Qui - 20/09
28º 19º 21:39
Guaíra - SP

Clima seco levanta debate sobre brigada de incêndio em Guaíra

Com três incêndios registrados na cidade neste ano, a prefeitura conta com apenas um caminhão pipa e auxílio dos veículos das usinas. Vereador Jorge Domingos reforça pedido para que administração priorize a compra de um caminhão específico

Cidade
Guaíra, 28 de agosto de 2018 - 07h33

Jorge Domingo cobrou o governo, novamente, pela compra do caminhão para a brigada de incêndio

 

 

 

 

 

 

 

Rumo aos seus 90 anos, Guaíra ainda não conta com um serviço de brigada de incêndio eficiente e está sempre a mercê da boa vontade das usinas de açúcar e álcool da cidade, que frequentemente colocam seus veículos à disposição quando ocorre algum incidente.

Neste ano, o município já registrou três incêndios. O último, ocorrido na rua 16 entre as avenidas 3 e 5, região central, consumiu, em poucas horas, uma casa. A prefeitura utilizou seu veículo caminhão pipa e até do Departamento de Esgoto e Água (DEAGUA) no combate.

A situação mais preocupante é no período noturno. Segundo informações coletadas pela reportagem, neste horário, o caminhão pipa da prefeitura é guardado e como não existe motorista disponível, não há quem faça o combate.

O veículo não é apropriado para a ação contra incêndios. A mangueira utilizada fica na parte de baixo do tanque de armazenamento e não há uma estrutura no alto, que garante o acesso mais rápido do jato de água ao combate das chamas.

Todos os integrantes da Guarda Civil Municipal contam com curso de brigada, mas hoje a corporação está com seu efetivo insuficiente para as suas demandas. Um concurso público para a GCM foi realizado, mas não existe previsão para chamamento dos candidatos.

O correto seria que o setor público disponibilizasse uma brigada incêndio que ficasse 24 horas à disposição do município, composto por Bombeiros Civis ou até mesmo os Guardas Civis, treinados e equipados, bem como o caminhão próprio.

A COBRANÇA

A cobrança para que a prefeitura municipal compre um veículo adaptado e disponibilize uma brigada 24 horas vem da bancada de vereadores do prefeito José Eduardo Coscrato Lelis. Jorge Domingos Talarico já fez esta indicação ao Poder Executivo em 2017 e tem reforçado constantemente esta necessidade. O prefeito, inclusive, sinalizou que o veículo está na lista de aquisições da frota para este ano.

Na última sessão, Domingos cobrou veemente a atual administração. “Existem coisas que podem esperar, mas outras que são para agora. Esta questão do caminhão para combate a incêndios é para agora. Vou continuar cobrando do prefeito para que faça esta aquisição, antes que algo triste aconteça em nossa cidade”, frisou.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos