Sex - 25/05
26º 13º 04:03
Guaíra - SP

Comissão apura irregularidades no aterro sanitário de Guaíra

A Comissão de Estudos sobre a Limpeza Pública, da Câmara Municipal, verificou a situação do local e confirmou que empresa do município depositou sobra industrial

Cidade
Guaíra, 29 de Abril de 2018 - 16h19

Vereador Moacir Gregório e o Engenheiro Ambiental Maurício Mayor durante visita ao aterro sanitário de Guaíra

 

 

 

 

 

 

 

Uma das linhas de apurações da Comissão Especial de Estudos (CEE) da Limpeza Pública, instaurada pela Câmara Municipal para apurar indícios de irregularidades e avaliar a qualidade do serviços terceirizados do setor no município, é a atual situação do aterro sanitário.

O grupo de pesquisa é composto pelos vereadores Ana Beatriz Coscrato Junqueira, Moacir João Gregório e José Mendonça. Eles contam com o suporte de uma empresa contratada pelo Legislativo, a Mayor Consultoria e Assessoria Ambiental.

Em reunião realizada entre os parlamentares e a firma, que está levantando os dados sobre a prestação de serviços da empresa Seleta para o município, já foram apresentadas informações que irão colaborar com o relatório final.

Dentre os elementos apresentados pela empresa, existem algumas informações sobre a atual situação do aterro sanitário, que está com uma vala sendo finalizada e deverá encerrar suas atividades em breve. A Mayor detectou alguns problemas existentes no local e já os relatou à Casa de Leis.

Atualmente existe um contrato entre a prefeitura e a empresa Seleta para a manutenção do aterro. Mas este trabalho deve seguir normas ambientais de preparo da área, uma vez que os resíduos aterrados sofrem decomposição e, se não forem tratados adequadamente, podem atingir o meio ambiente.

Os vereadores demonstraram preocupação que mesmo após o encerramento das atividades do local, os danos causados sejam irreversíveis. Por isso, o relatório deverá contar com orientações e procedimentos a serem adotados pelo poder público já nesta fase de encerramento do aterro.

VISITA AO ATERRO

Na tarde do último dia 11 de abril, o vereador Moacir João Gregório realizou uma visita à área da usina de reciclagem de lixo. Na ocasião, o parlamentar foi verificar a atual situação dos detritos de couro, que foram descartados irregularmente no município, e tomou conhecimento de possível depósito irregular de resíduos industriais no aterro sanitário.

Moacir verificou dois caminhões caçamba deixando a área e seguindo pela rodovia Assis Chateaubriand, a SP-425, com destino a Guaíra. Em visita ao lixão, ele verificou uma grande quantidade material de origem industrial descartado.

Em um primeiro momento, Gregório desconfiou que aquele detrito serviria apenas para o depósito do lixo doméstico coletado na cidade. O fato foi comunicado à empresa Mayor Consultoria e Assessoria Ambiental, que realizou inspeção ao aterro na tarde da última terça-feira, dia 24.

A vistoria foi acompanhada Moacir e o engenheiro ambiental Maurício Mayor, que constatou a existência de grande número de resíduos industriais e os recolheu para análise, que fará parte do relatório final da Comissão de Estudos.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos