Dom - 22/07
29º 15º 23:20
Guaíra - SP

Cresce número de animais abandonados pelo município

Geral
Guaíra, 31 de agosto de 2017 - 09h47

A vereadora Dra. Bia Junqueira lembrou o prefeito José Eduardo de sua indicação sobre a criação do Fundo Municipal de Proteção e Defesa dos Animais, para auxiliar a AAAG nesses resgates e cuidados

Ontem, mais cachorros foram abandonados em um canavial próximo à cidade (fotos). Voluntários fizeram o resgate para evitar o atropelamento dos filhotes (e possíveis acidentes de carro), mas não possuem um local apropriado para deixar os cãezinhos até serem adotados.

Cenas como essa estão se repetindo diariamente no município. Não há contabilização para dados concretos, mas as ocorrências são frequentes e a Associação Amigos dos Animais de Guaíra não sabe mais como proceder, já que não há local adequado para recolher esses bichos, não há castrações para evitar esse crescimento de animais errantes e não há punição para a imprudência de quem comete esse crime.

Apesar de o governo anunciar a contratação da empresa para as castrações voltadas a cães e gatos de rua e de famílias de baixa renda, as cirurgias ainda não tiveram início e já se passaram mais de oito meses da nova gestão.

Além disso, não há nenhuma campanha de conscientização pelo município ou nas escolas, o que aumenta a imprudência da pessoas com maus tratos e abandonos.

Vereadores se posicionam

Este assunto chegou aos vereadores da Câmara Municipal, que querem mais ação do poder público para ajudar a AAAG neste trabalho de cuidados e resgates.

“Temos que aprofundar as discussões e encontrar, juntos, soluções sobre a situação vivida pelo município referente à causa animal. Sabemos do grande número de animais abandonados, só não vê quem não quer. Paralelo a esse problema, existem pessoas voluntárias que tentam salvar esses animais, que é o caso da AAAG. Na verdade, a Associação já conseguiu o projeto arquitetônico para uma sede que será um abrigo provisório para cuidar daqueles que estão em perigo ou doentes”, afirmou a Dra. Ana Beatriz Coscrato Junqueira.

De acordo com a parlamentar, a prefeitura poderia criar o Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais, bem como o Fundo Municipal de Proteção e Defesa dos Animais (indicações suas de março de 2017), para que ambos, juntamente com a entidade, efetuem as adequações que julgar necessárias, bem como as de cunho orçamentário.

“Gostaria e já pedi para o prefeito a criação do Fundo Municipal de Proteção, que serve para receber doações da iniciativa pública e privada. Gostaria que ele se empenhasse, mandasse esse projeto de lei para a Câmara para que a gente possa votar, porque só assim o projeto da AAAG poderá sair do papel. Eles precisam comprar o terreno e construir a sede. Toda a população e todos os vereadores devem se engajar nisso. A Associação já tem declarada a utilidade pública da entidade desde 2014 e chegou a hora de tentarmos viabilizar essa compra e a sede para poder solucionar esses problemas”, explicou.

A vereadora ainda comentou da importância do Conselho. “Também pedi a criação do Conselho, que será super importante para não ‘chovermos no molhado’, para indicar políticas públicas à área dos animais. Que o prefeito mande esse projeto para que possamos votar”, finalizou.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos