Qua - 17/10
32º 22º 02:37
Guaíra - SP

DEAGUA dedetiza rede de esgoto da área central neste final de semana

Para o próximo final de semana, a equipe continuará nos bairros da região do Bom Jesus, Eldorado, Reynaldo Stein, Portal do Lago, Muraishi I e II e Palmares

Cidade
Guaíra, 30 de junho de 2018 - 08h20

 

 

 

 

 

 

 

 

O Departamento de Esgoto e Água de Guaíra realiza hoje, 30, a dedetização na rede de esgoto da região central da cidade, como continuidade do Programa de Controle de Pragas, iniciado no dia 02 de junho após reivindicações da população.

De acordo com o diretor do DEAGUA, Lucas Froner, o inseticida está sendo aplicado com regularidade desde 2017. “São produtos que, eventualmente, o próprio cidadão pode comprar em lojas, de uso doméstico, para a saúde pública, mas requerem cuidados no manuseio e não tendem a ser agressivos”, conta.

Até o momento, a autarquia já fez a aplicação em todos os bairros da região do Aniceto, Califórnia, Taís I e II e, mais recentemente, na Vila Aparecida, Cohab I, João Vaccaro, entre outros.

Como orientação para a comunidade, Lucas pede para que os moradores tomem medidas de prevenção e precaução, a fim de evitar que insetos adentrem as residências. “O veneno não tem característica desalojante, não é de fazer com que os insetos saiam, porém, pode ocorrer que, uma vez aplicado em todos os postos de visita, o inseto em si vai buscar a rede no sentido das casas”, explica.

Assim, ele oferece algumas orientações. “Os munícipes podem colocar redes e telinhas nos ralos, ou comprar aqueles que abrem e fecham; até mesmo aplicar inseticida na residência através das empresas especializadas que temos em Guaíra. Também pedimos para que façam a limpeza de terrenos e mantenham os quintais livres de materiais que sirvam de criadouros para baratas e escorpiões”, afirma.

Para o próximo final de semana, a equipe do DEAGUA pretende continuar o programa de controle nos bairros da região do Bom Jesus, Eldorado, Reynaldo Stein, Portal do Lago, Muraishi I e II e Palmares. “São no total 1523 postos de visita onde são aplicados o inseticida. Cabe lembrar que o veneno é aplicado na parede do poço, e não no efluente doméstico. Mesmo que eventualmente algum resíduo caia na água do esgoto, ele vai para a lagoa de estabilização antes que possa chegar na questão do meio ambiente”, esclarece.

CONTROLE DE VETORES

Segundo Lucas Froner, caso algum morador tenha problemas com escorpiões, baratas e ratos, que entre em contato com o departamento de Controle de Vetores da prefeitura. “São eles que têm competência para fazer mapeamento e atendimento para verificar a causa da incidência de qualquer inseto em uma localidade específica. Mesmo que já tenhamos feito a aplicação, se a população perceber que a quantidade de insetos continua a aparecer de maneira acentuada, nós podemos reaplicar esse veneno num espaço de tempo menor. Porém, como afirmamos, é um controle de pragas, Não haverá um extermínio, mas sim um controle”, encerra.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos