Qua - 17/10
32º 22º 00:28
Guaíra - SP

Setembro Amarelo!

Editorial
Guaíra, 16 de setembro de 2018 - 07h30

O que é exatamente este “Setembro Amarelo” que estamos vivenciando atualmente? Precisamente neste mês a Associação Brasileira de Psiquiatria organiza uma campanha de prevenção contra o suicídio, dado o número alarmante que isto acontece no país.

Pode não parecer porque vivemos em uma cidade pequena onde esta prática acontece esporadicamente, no entanto, em nível nacional não é bem assim.

São registrados cerca de 12 mil suicídios todos os anos no Brasil e mais de 1 milhão no mundo. Trata-se de uma triste realidade, que registra cada vez mais casos, principalmente entre os jovens. Cerca de 96,8% dos casos de suicídio estavam relacionados a transtornos mentais. Em primeiro lugar está a depressão, seguida do transtorno bipolar e abuso de substâncias.

Falar sobre o suicídio é ainda um tabu dentro das famílias, por isso mesmo há um esforço para que se dissemine este assunto no afã de que ele chegue a todos os lugares. Por exemplo, foram iluminados com a cor amarela o  Cristo Redentor (RJ), o Congresso Nacional (DF), o Estádio Beira Rio (RS), dentre outros para chamar a atenção porque a incidência está se alastrando principalmente entre os mais jovens.

Esta cor – amarela – foi adotada por causa da história que a inspirou. “Em 1994, um jovem americano de apenas 17 anos, chamado Mike Emme, tirou a própria vida dirigindo seu carro amarelo, restaurado e pintado por ele mesmo.  Seus amigos e familiares distribuíram no funeral cartões com fitas amarelas e mensagens de apoio para pessoas que estivessem enfrentando o mesmo desespero de Mike, e a mensagem foi se espelhando mundo afora.”

Não é verdade que as pessoas que ameaçam se matar, estão apenas querendo chamar a atenção. Também não é verdade que o suicídio acontece sem aviso. Como também é falso que osuicídio só acontece somente  com os outros.O suicídio pode ocorrer com quaisquer pessoas que estejam em um alto grau de sofrimento. Assim, vale lembrar que o sofrimento independe de dinheiro, classe social, e tem mais, uma pessoa que tentou cometer suicídio uma vez, não voltará a tentar também pode ser considerado falso. Na verdade, as tentativas de suicídio são um indicador de que o suicídio pode realmente ocorrer a qualquer momento.

Que esta campanha se espalhe para o bem de todos.


TAGS:

LEIA TAMBÉM
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos