Qua - 26/09
35º 23º 09:47
Guaíra - SP

Guaíra aplaude espetáculo da Usina da Dança “O Pequeno Príncipe”

A cidade foi a terceira a receber a apresentação, que estreou em Orlândia e também passou por Ipuã e Miguelópolis, sempre com casa cheia e convites esgotados

Cidade
Guaíra, 21 de dezembro de 2017 - 11h49

Guaíra recebeu, com muitas palmas e emoção, em noite de casa lotada, a apresentação de O Pequeno Príncipe, montado pela Usina da Dança, projeto do Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça – IORM.

O espetáculo, um verdadeiro presente de Natal para a cidade, foi apresentado no dia 7 de dezembro, no salão do Grêmio Recreativo Colorado, que se transformou em um verdadeiro teatro. Foram momentos mágicos, em que bailarinos e plateia interagiram. Pais e familiares dos bailarinos acompanharam a evolução técnica e a felicidade e orgulho estampados no rosto dos alunos da Usina da Dança e de Artes e Ofícios.

A preparação dos dançarinos que literalmente incorporaram os personagens com representações memoráveis impressionou os espectadores. Também chamou a atenção os figurinos que apoiaram a narrativa. A iluminação cênica e a trilha conduziram as pessoas e os bailarinos para os vários planetas visitados pelo Pequeno Príncipe.

O espetáculo, o 16º montado pelo IORM, é o resultado de um ano de muito trabalho da Usina da Dança junto aos alunos, crianças, adolescentes e jovens, entre 7 e 17 anos de idade nas cidades de Orlândia, Ipuã, Guaíra e Miguelópolis. Além de dança clássica, música, literatura, as aulas versam sobre cidadania, convivência e solidariedade. O IORM também já consegue criar uma sucessão de pequenos negócios coligados. Exemplo disso é a profissionalização de costureiras que atuam na produção dos mais de 780 figurinos apresentados no palco.

Além da formação de cidadãos, formar público para espetáculos artísticos e culturais são objetivos da Usina da Dança, que vem sendo alcançados com sucesso em toda a região.

Guaíra foi a terceira cidade a assistir O Pequeno Príncipe, que estreou em Orlândia e também passou por Ipuã e Miguelópolis, sempre com casa cheia e convites esgotados.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos