Sex - 20/07
29º 16º 13:11
Guaíra - SP

Inscrições para as 99 moradias do MCMV estão suspensas até a próxima semana

Essas residências não fazem parte das 232 casas populares da CDHU e exigem critérios para que as famílias se enquadrem no financiamento da Caixa, como renda de R$ 1.500 a R$ 4.300, carteira assinada e nome sem restrições

Cidade
Guaíra, 6 de Janeiro de 2018 - 09h41

Guairenses fizeram fila, durante toda a semana, para conseguir senha de atendimento no escritório da construtora GCE

Nesta semana, a Construtora GCE deu início às inscrições para as 99 moradias do Programa Minha Casa Minha Vida (MCMV), do governo federal, com financiamento através da Caixa Econômica, que serão construídas em uma área remanescente do bairro Aniceto Carlos Nogueira.

Com a intensa procura, a empresa suspendeu ontem (05) a distribuição de senhas para atendimento aos interessados e está atendendo apenas os candidatos já agendados. Entretanto, informou que voltará a distribuí-las a partir da próxima quinta-feira, 11 de janeiro.

“A suspensão ocorreu para evitar aglomerações e permitir um atendimento mais tranquilo aos interessados”, informa a prefeitura, que comemorou a conquista das habitações, mas ressaltou que Guaíra precisa de mais.

O governo destacou que essas 99 casas não fazem parte das casas populares que estão em programação para serem construídas pela CDHU em áreas cedidas pelo município.

Apesar do Programa MCMV oferecer taxas e prestações baixas, são necessários requisitos para que a família conquista um dos imóveis e faça o financiamento. Um deles é a renda de R$ 1.500 a R$ 4.300, além de outros critérios, como carteira assinada por pelo menos 120 dias e não ter restrições de crédito (SERASA/SPC). A seleção será feita pela Caixa Econômica Federal.

As inscrições voltam no dia 11, através do escritório de apoio da Construtora GCE, situado na rua 14, nº 455, entre a 9 x 11. É necessária a apresentação da documentação completa para a inscrição: CPF, RG, certidão de nascimento ou casamento, último holerite, extrato do FGTS (pode ser tirado no auto atendimentos da Caixa), carteira de trabalho e comprovante de endereço. Em caso do estado civil casado ou em união estável, levar a documentação do casal.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos