Seg - 23/07
28º 16º 03:12
Guaíra - SP

Munícipes podem usar imposto de renda para ajudar crianças e adolescentes

Agora
Guaíra, 23 de Março de 2017 - 09h43

O valor a ser destinado é de até 3% do imposto de renda devido de Pessoa Física. As doações podem ser feitas até 28 de abril

Os guairenses poderão doar parte de seu imposto de renda para ajudar projetos sociais. Os contribuintes do Estado de São Paulo tem a opção de destinar 3% do imposto de renda devido de Pessoa Física para o Fundo Estadual da Criança e do Adolescente. As doações devem ser realizadas até 28 de abril, data limite estipulada pela Receita Federal para a entrega da declaração.

Há a possibilidade também de, quem tiver imposto a restituir, realizar as doações. Ao comprovar à Receita que fez uma destinação, o valor é descontado do imposto já retido na fonte e não representa um custo a mais para o contribuinte. É uma maneira de ser solidário, sem colocar um dinheiro extra. Além disso, as empresas podem fazer as destinações, de até 1% do imposto de renda devido, durante o ano todo.

Em 2015, o Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (CONDECA), ligado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social de São Paulo, bateu recorde de arrecadação. Ao todo, recebeu 25 milhões de reais de recursos, que foram distribuídos para projetos sociais com foco em atividades culturais, educacionais, pessoa com mobilidade reduzida, esporte e saúde.

Quando o contribuinte doa o dinheiro, o Conselho realiza a gestão do Fundo e, por meio de edital, faz a chamada pública dos projetos. As entidades beneficiadas tem trabalhos sólidos, efetivos e reconhecidos internacionalmente.

A legislação brasileira assegura o direito de escolher onde aplicar parte do valor do imposto de renda. De acordo com o secretário de Estado de Desenvolvimento Social de São Paulo, Floriano Pesaro, é sempre importante informar a população sobre a possibilidade de deixar parte do seu imposto para projetos que ajudam crianças e adolescentes.

“As pessoas costumam confundir a destinação do imposto de renda com o aumento de tributos, mas o que ocorre é justamente o contrário. A falta de esclarecimento resulta em menos recursos destinados a quem realmente precisa”, ressalta.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Agora
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos