Seg - 23/07
28º 16º 03:08
Guaíra - SP

Ônibus quebra novamente e aumenta tensão entre estudantes e empresa

Geral
Guaíra, 15 de Março de 2017 - 10h32

Universitários procuraram advogado para solução dos problemas. Sócio da Fênix não quis se pronunciar e apenas disse que já está tomando providências

Segundo estudantes, esta é a quinta vez, em menos de dois meses, que o ônibus para Franca quebra.

Segundo estudantes, esta é a quinta vez, em menos de dois meses, que o ônibus para Franca quebra.

 

Estudantes tiveram que esperar, na estrada, por outro veículo para levá-los a Franca.

Estudantes tiveram que esperar, na estrada, por outro veículo para levá-los a Franca.

 

De acordo com os universitários, o motorista do veículo reserva chegou tão exaltado que derrubou placas que haviam no local.

De acordo com os universitários, o motorista do veículo reserva chegou tão exaltado que derrubou placas que haviam no local.

 

No início da noite desta segunda-feira (13), os estudantes guairenses enfrentaram mais problemas com o ônibus que os transportavam até as universidades de Franca, o que terminou em grande discussão com um dos sócios da empresa responsável, a Fênix Turismo.

Segundo os jovens, antes mesmo de chegar à Capelinha, o motor “travou” e o motorista precisou parar em um cruzamento de estrada de terra. Eles tentaram entrar em contato com seus pais e precisaram solicitar à firma outro veículo.

De acordo com os universitários, após quarenta minutos, a Fênix enviou outro ônibus. “O veículo chegou de uma maneira tão exaltada que até derrubou duas placas que estavam no local. O motorista era um dos sócios da Fênix”, conta um dos estudantes.

“Ele estava muito alterado e discutiu com o pai de uma universitária, que se deslocou até lá para prestar socorro, e com os alunos. Chegou a xingar e quase houve uma briga entre eles”, descreve.

O Jornal O Guaíra tentou entrar em contato com a empresa, mas o sócio não quis se pronunciar e apenas disse que “já está tomando providências”.

Os estudantes também declararam que “estão cansados” com as ocorrências e que procuraram um advogado para orientá-los. “Não aguentamos mais. Somente neste ano, com essa ‘nova’ empresa contratada, os ônibus já quebraram cinco vezes indo para Franca”, relata o jovem, que também protocolou ofício na prefeitura sobre o assunto.

“Queremos respeito. As viagens não saem de graça. Pagamos e queremos a prestação de serviço correta. Os ônibus que nos levam para Franca estão quebrando frequentemente. E sabemos que não há fiscalização adequada destes veículos, porque quando ele quebram na estrada não há nem a sinalização para colocar na rodovia!”, denuncia o aluno. “O motorista precisa colocar pedaços de árvore na via para que os veículos diminuam a velocidade”, completa.

CONTRATO

Os universitários questionaram a contratação da empresa, que vem causando discussões com os mesmos há alguns anos. Segundo a prefeitura, apesar de ser o mesmo proprietário e da semelhança no nome, a Fênix contratada neste ano é outra firma.

De acordo com Secretário de Educação, Renato Moreira, ao decretar regime de urgência para a contratação do transporte universitário, foi necessário fazer um processo licitatório. “A prefeitura não pode escolher qual empresa participará da licitação. Se a empresa atender todas as exigências legais, ela pode disputar e vencer a licitação com o melhor preço de acordo com Lei 8666/93”, explica.

Devido a quebras anteriores do ônibus que faz o transporte dos estudantes para a Franca, o Poder Público notificou a empresa e, antes da anulação, há a necessidade de seguir os trâmites previstos na Lei. “Todas as outras linhas estão normalizadas. Em relação à de Franca, agiremos de acordo com a Lei”, esclarece Moreira.

O governo municipal ressaltou que pretende, para o segundo semestre, implantar o Projeto Vale-Transporte. “Já estamos elaborando um Projeto de Lei para a criação do vale-transporte, onde os estudantes terão a liberdade de negociar diretamente com uma empresa de transporte sem a burocracia que a prefeitura enfrenta”, comenta Renato.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos