Ter - 23/10
31º 20º 09:48
Guaíra - SP

Acidente entre moto e carro tira a vida de médico ginecologista em Miguelópolis

Policial
Guaíra, 14 de Março de 2017 - 08h21

Segundo testemunhas, a moto estava em alta velocidade. O Ford Fiesta ficou com a frente destruída e a Suzuki praticamente partiu em pedaços

Na manhã do último sábado, 11, por volta das 10h15, um grave acidente envolvendo uma moto Suzuki e um veículo Fiesta tirou a vida do médico ginecologista, Almir Ramos Zago, de 57 anos, na Avenida Ariosto Lino de Souza, próximo ao bairro San Marino, em Miguelópolis.

Segundo consta, o médico transitava pela Avenida Ariosto Lino de Souza, a qual é pista dupla, sentido rodovia Paulo Borges de Oliveira, em sua motocicleta e o motorista Rafael transitava com o carro pela mesma Avenida, só que no sentido centro.

No local do acidente, Rafael veio a fazer uma conversão à esquerda para adentrar ao bairro San Marino e a moto bateu em seu veículo. Com isso, o médico Almir Zago sofreu diversas fraturas expostas e faleceu a 46 metros do impacto.

O motorista do carro acionou o socorro e, devido à grande aglomeração de pessoas, saiu do local temendo represálias, pois a vítima se tratava de um médico conceituado na cidade. Rafael concordou em realizar o exame de etilômetros. Não havia problemas com sua documentação pessoal.

De acordo o motorista do Fiesta, ele transitava sentido posto trevo/centro, quando chegou ao bairro San Marino, teria dado setas para adentrar no bairro, olhou para os dois lados e nada viu, quando iniciou a travessia viu uma moto vindo rapidamente, ele freou, mas não conseguiu evitar a colisão.

Para a polícia, Rafael não apresentava nenhum sinal de embriaguez e só não fez o teste do bafômetro porque o aparelho não funcionava corretamente naquele momento. O motorista irá responder pelo crime de Homicídio Culposo, quando não há intenção de matar.

O Instituto de Criminalística de Ituverava – IC esteve no local realizando o trabalho de perícia. Foi preciso isolar a área, porém, mesmo assim, muitos curiosos queriam se aproximar dos veículos e do corpo da vítima. Segundo testemunhas, a moto estava em alta velocidade. O Ford Fiesta ficou com a frente destruída e a moto praticamente partiu em pedaços.

Fonte: Fabio Reis


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Policial
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos