Foi condenado!!!

Editorial
Guaíra, 27 de junho de 2017 - 07h56

O ex-ministro Antonio Palocci (PT) foi condenado nesta segunda-feira, dia 26,  pelo juiz federal Sergio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância, a 12 anos, dois meses e vinte dias de prisão em regime fechado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Só para lembrar, Palocci ocupou as pastas da Fazenda, no governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e da Casa Civil, na gestão de Dilma Rousseff (PT). Está é a primeira condenação dele na Lava jato.

Preso desde setembro de 2016, Palocci foi denunciado pelo Ministério Público Federal em outubro do mesmo ano,  acusado de participação em um esquema de corrupção envolvendo a empreiteira Odebrecht envolvendo contratos de sonda com a Petrobras. Ele negocia um acordo de delação premiada com a força-tarefa da Lava Jato.

O esquema, conforme diz  Moro na sua sentença, teria servido para fraudar as eleições municipais de 2008 e a presidencial de 2010 –que teve Dilma como vencedora, além de pleitos em El Salvador, em 2008, e no Peru, em 2011. “Outros valores teriam sido repassados até no mínimo 2014 com outros propósitos”, diz o juiz…. –

Palocci terá também de pagar R$ 1,02 milhão em multas, que foram definidas por Moro na sentença. Desse valor, R$ 466 mil são referentes ao crime de corrupção e R$ 559,8 mil à lavagem de dinheiro…. –

Na sentença, Moro também diz que o ex-ministro, que tem 56 anos de idade, fica inelegível e não poderá exercer cargos públicos por 24 anos, o dobro da pena de prisão. O juiz também determinou o confisco das contas dele e seu e sua empresa, a Projeto Consultoria.

Agora só falta bloquear qualquer fonte de bens do preso para aparecer onde estão “amoitados”  o restante do dinheiro desviado.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA TAMBÉM
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente