Viramos o lixão da região

Editorial
Guaíra, 17 de julho de 2016 - 08h07

Pobre Guaíra! Há algum tempo, éramos conhecidos como a “Capital do Ouro Branco,” uma alusão à nossa produção de algodão… Uma época de grande farturas, de mesas cheias, de empregos para o pai de família. Hoje somos mais conhecidos como a “capital regional dos buracos”. Um triste título para quem já foi pujante e muito bem conceituada.

Hoje, nossa cidade poderia ser a portadora de vários epítetos – todos depreciativos – e nem vamos enumerá-los para não aborrecer mais ainda o nosso leitor, que sente na pele o descontrole de uma má administração: sem planejamento, sem rumo e sem norte!!!

Nossa pobre Guaíra, nesta administração, possivelmente pode ter-se transformada em um depósito de resíduos de couro – tóxicos – que são derramados no nosso município, sem dó nem piedade. São vários caminhões que chegam, entornam sua carga e desaparecem sem deixar vestígios. Muitas vezes nem sabemos direito de onde eles surgem.

O mais intrigante é que ninguém sabe e ninguém viu os caminhões chegarem, abrirem suas caçambas e despejarem os dejetos de couro, que são descartados pelas indústrias que ficam supostamente, a muitos quilômetros de distância daqui.

Assim, temos algumas dúvidas: por que Guaíra foi escolhida para receber os descartes de couro se nem temos curtumes no município? Quem autorizou que fossem trazidos para o nosso antigo lixão tais resíduos? Se estes restos são tóxicos, não deveriam ter um destino assistido por pessoas especializadas para não contaminarem o solo e o lençol freático? A quem interessa ter um depósito desta categoria nos nossos lixões? Se a prefeitura disse que não sabia desse descarte, como não reparou que há couro até na balança municipal, frequentada por funcionários diariamente?

A verdade é uma só: estamos indignados! Assustados também com o que pode acontecer com nossa cidade no apagar das luzes desta administração!

Quais fatos escabrosos ainda teremos que descobrir até que a população tome consciência que o modelo de administração implantado em nossa cidade não deu certo e que é preciso bom senso, juízo, análise séria dos candidatos que aí estão para não cairmos no “canto da sereia” novamente?


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA TAMBÉM
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente