Guaíra Cidade que Educa promove ocupação cultural no Lago Maracá

Geral
Guaíra, 22 de setembro de 2017 - 09h38

Ocupar territórios com arte e promover a convivência entre as pessoas nos espaços públicos também faz parte da estratégia de construção de uma “cidade que educa”

No dia 16 de setembro, o espaço conhecido como Bomba D´Água, localizado no Lago Maracá, coração de Guaíra, recebeu pessoas para o evento denominado Ocupação de Território, uma iniciativa do Programa Guaíra Cidade que Educa.

Toda a movimentação aconteceu no período da manhã e contou com atividades como contação de histórias, brincadeiras cantadas e ritmadas, grafite, exposição de mandalas e show ao vivo.

A verdadeira intervenção urbana teve a participação de agentes culturais e de comunicação, cujos projetos foram aprovados pelo edital “Ocupação de Território”, entre eles o “Pitan”, com Jéssica Serafim; “Ato Instrumental 4”, com Vinícius Lima, Rodolfo Spigali, Leandro Ribeiro e Said Rhamine; e “Arte para não morrer de verdade”, com Paulo Sérgio Gonçalves.

O encontro recebeu também a presença de Elizabeth Nascimento, a Teacher Beth, que levou sua contação de histórias para os participantes; e a artista Poliana Savegnago, que contribuiu com brincadeiras cantadas e ritmadas.

O movimento é uma iniciativa do IORM, em parceria com a Sogube, apoiado pela Fundação Itaú, Prefeitura de Guaíra, Ação Social Cooperada com aprovação no CMDCA e tem pela frente a mobilização da sociedade pela melhoria da qualidade de vida no município, tendo prioridade crianças e jovens.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente