ll Feijoada do Coração da Sogube altera data para 19 de outubro

Para apoiar de verdade o trabalho que a Sogube realiza junto a crianças e adolescente de Guaíra a II Feijoada do Coração precisa ser um sucesso, como foi a primeira edição. Por isso, o Conselho da Sociedade Guairense de Beneficência decidiu adiar a ação social para o dia 19 de outubro, no salão do Grêmio Recreativo Esportivo Colorado a partir das 13 horas

Cidade
Guaíra, 26 de agosto de 2019 - 09h51

”Todos nós sabemos que Guaíra é a cidade da solidariedade, sempre com muitos eventos das entidades, como a 10º Feira Agro Industrial de Guaíra Faig – que acontecerá a partir de 18 de setembro. Além dessa, há outras promoções e festas particulares, ficando muitos eventos próximos. Para permitir um grande público nesta Feijoada, a decisão mais acertada foi adiar nossa promoção para uma nova data” afirma o gerente Executivo da Sogube Rafael Albuquerque Braghiroli.

A venda de convites para a nova data já está aberta. Grande parte dos ingressos e mesas para a II Feijoada do Coração, que a Sociedade Guairense de Beneficência – Sogube, já foi vendido. Os compradores já estão sendo avisados sobre a nova data. Aqueles que não tiverem disponibilidade de participar no dia 19 de outubro, poderão trocar seus ingressos e mesas na própria Sogube e terão seu dinheiro de volta.

O evento contará com o show de Os Bebel – grupo regional formado há mais de 25 anos e que toca sucessos do samba e pagode, e com a apresentação do cantor sertanejo Juliano Cezar – precursor do movimento Country Sertanejo no país e que vai entoar clássicos da música caipira e sertaneja no evento. O público presente contará com sorteio de prêmios e outras atrações, além da tradicional feijoada.

Durante a festa, o traje vermelho será obrigatório. Os convites individuais para a festa custam R$ 170 (adultos) e R$ 50 (convite teen – 11 a 14 anos). Interessados também podem adquirir mesas para até seis pessoas. Crianças até 10 anos não pagam ingresso, e contarão com playground, monitores e buffet especial de massas. Os ingressos podem ser parcelados no cartão de crédito Visa ou Master, ao valor mínimo de R$ 50 a parcela. Os ingressos para o evento podem ser adquiridos junto à entidade e também aos Anjos do Coração, casais que se dedicam voluntariamente a apoiar o trabalho da Sogube.

No ano de 2018, a I Feijoada do Coração contou com a expressiva adesão da comunidade de Guaíra e região trazendo resultados muito positivos. Com os recursos arrecadados durante o evento, a nova diretoria promoveu a reforma dos espaços, proporcionando ambientes mais adequados para que a entidade desenvolva sua missão institucional.

”Nosso compromisso é o de realizar essa festa linda e receber as pessoas que tragam solidariedade e nos ajudem a arrecadar recursos para que a Sogube continue sendo um exemplo para nossa cidade e siga aprimorando sua capacidade de assistir nossas crianças e jovens” afirma Josimara Ribeiro de Mendonça, presidente do Conselho da Sogube.

Sobre a Sogube

A Sociedade Guairense de Beneficência – Sogube, atua há 55 anos na formação de crianças, adolescentes e jovens do município, prestando atendimento a uma população em situação de vulnerabilidade social de 32 bairros de Guaíra. Sua utilidade pública enquanto entidade assistencial é reconhecida nos âmbitos federal e estadual, e tem investido, nos últimos anos, em significativas melhorias físicas, de processo, de reconhecimento e valorização do trabalho dos educadores e colaboradores que estão presentes no dia a dia da Sogube.

A Sogube desenvolve os Projetos – Cidade dos Meninos Oswaldo Ribeiro de Mendonça, que assiste 240 crianças entre 7 e 14 anos de idade, atuando pela convivência social e fortalecimento de vínculos. O Projeto é financiado com recursos da Assistência Social. O Projeto Núcleo de Qualificação Profissional atende 280 adolescentes com idades entre 15 e 17 anos, promovendo sua qualificação profissional para inserção no mercado de trabalho. É financiado pela Secretaria de Indústria e Comércio do Município de Guaíra.

A Sogube mantém o Núcleo de Guarda Mirim Professor Arlindo Alves, como negócio social da entidade, que tem seu viés social ao dar a oportunidade do primeiro emprego a adolescentes e jovens entre 16 e 17 anos de idade. É negócio porque as empresas, ao contratarem os guardas mirins, pagam à Sogube uma taxa de remuneração do adolescente a título de administração. Tal iniciativa rende para a entidade entre R$ 5 e R$ 6 mil mensais, recurso importante para a manutenção desta iniciativa, que tem sua excelência reconhecida pelo Ministério de Trabalho de Barretos.




Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente