-
º º 10:55
Guaíra - SP

MBL recruta integrantes em Guaíra

O Movimento Brasil Livre irá inaugurar oficialmente um núcleo na cidade no primeiro semestre de 2019, com intuito de integrar as pessoas nas políticas públicas

Geral
Guaíra, 5 de dezembro de 2018 - 10h06

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nesta última terça-feira, 27, o Coordenador de Barretos e operacional do Estado de São Paulo, do Movimento Brasil Livre (MBL), Renato Guedes , informou que estão recrutando novos integrantes à ação e que irão abrir um  núcleo em Guaíra no primeiro semestre de 2019.

MBL surgiu em 2014, quando alguns grupos de pessoas, insatisfeitas com o governo Dilma, se uniram através das redes sociais e foram para as ruas se manifestarem. Seu principal objetivo é conscientizar o cidadão de seu papel perante as políticas públicas: Cobrar, levantar questionamentos, avaliar e fiscalizar os trabalhos daqueles que elegeram.

“Nosso objetivo é que o povo entenda a sua importância, que participe mais das reuniões na Câmara Municipal, para ver o que está acontecendo e, dessa forma, poder cobrar seus direitos, de uma maneira na qual o interesse de todos seja maior do que qualquer partido ou questão pessoal,” disse Renato Guedes.

O movimento existe na cidade desde agosto deste ano, mas está previsto para ser lançado oficialmente ano que vem, com palestras explicativas do “que é? Como surgiu? Qual seu objetivo?, entre outras questões. Marcos Ferreira de Castro foi nomeado para coordenador de Guaíra.

“ Conheci o MBL  em 2016 pelas redes sociais, eles tem um canal no YouTube e comecei a acompanhar, gostei das ideias e estou trazendo para Guaíra, para envolver mais a população com o poder público, por meio de visitas à Câmara para acompanhar o que está sendo proposto e feito,” contou Castro.

Para os interessados em entender melhor do que se trata o Movimento Brasil Livre e participar dos grupos de debates, podem entrar em contato direto com Marcos pelo celular: 99185-5137. Existe também o site oficial MBL, o canal do YouTube e a página do Facebook .

 

Crédito: Luana Marcelino


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos