Fé nos livros de Deus

Opinião
Guaíra, 12 de agosto de 2015 - 16h39

O terceiro pilar da fé islâmica é ter Fé nos Livros Sagrados, que foram  revelados por Deus aos seus Profetas, onde o muçulmano crê em todos os livros  originais sem exceção. As escrituras tiveram suas revelações para que houvesse como se  aprender a religião e obrigações em relação a Deus e outros seres humanos, onde é a prova da existência de Deus e admoestação para os humanos. Atualmente não há qualquer escritura na sua forma original, onde apenas o Alcorão revelado ao  Profeta Muhammad SWS,  é a única escritura que permanece salva de corrupção, fato este noticiado recentemente na Inglaterra, onde foi encontrado alguns versículos da época do Profeta Muhamad SWS, idêntico ao atual. Fomos informados dos nomes de alguns destes outros Livros, pôr exemplo, Livros de Abraão, o Tora de Moisés, Salmos de Davi e o Evangelho de Jesus (que a Paz esteja com eles). Acreditamos nos livros revelados previamente, só no sentido de admitir que antes do Alcorão, Deus enviou outros Livros através de seus Profetas, que eram todos de um só Deus, do mesmo Deus que enviou o Alcorão, como Livro Divino, não é um acontecimento novo nem estranho, mas só confirma, restabelece e completa as instruções de Deus. Assim é relatado no Alcorão: “O Mensageiro crê no que foi revelado pôr seu Senhor e todos os fiéis creem em Deus, em Seus anjos, em Seus Livros e em Seus mensageiros. Nós não fazemos distinção alguma entre Seus mensageiros. Disseram: Escutamos e obedecemos. Só anelamos Tua indulgência, ó Senhor nosso! A Ti será o retorno!” (Alcorão 2:285) . O Alcorão cita os nomes e reconhece os Livros de Abraão, Moisés, Davi e Jesus (que a Paz  estejam com eles), como os Livros revelados por Deus. Seja como for; eis um dogma para os muçulmanos crerem não só no Alcorão, mas também nas coletâneas originais de revelações Divinas da época pré-islâmica. “Já vos chegou de Deus uma Luz e um Livro Lúcido.” (Alcorão 5:15) “Não meditam, acaso, no Alcorão? Se fosse de outra origem que não de Deus, haveria nele muitas discrepâncias.” (Alcorão 4:82). “Este é o Livro (o Alcorão) veraz pôr excelência. A falsidade não se aproxima dele nem pela frente, nem pôr trás, porque é a revelação do Prudente, Laudabilíssimo.” (Alcorão 41:41-42). Nenhuma escritura divina, com exceção do Alcorão, existe hoje na língua original na qual foi revelada.  A Bíblia  não foi revelada em inglês e sim em Aramaico, onde livros diferentes da Bíblia atual são, no máximo, traduções de terceira mão e existem diferentes versões.  Essas traduções múltiplas foram feitas por pessoas cujo conhecimento, qualificação ou honestidade não são conhecidos.  Como resultado, algumas bíblias são maiores que outras e contém contradições e inconsistências internas!  Não existem originais. Por fim o Alcorão é a única escritura que existe hoje em sua língua e palavras originais, em todo o mundo, vindo a completar e confirmar os livros anteriores, tendo nele tudo que é necessário para o ser humano viver nesta vida, seja na esfera social ou espiritual. Nem uma letra do Alcorão foi mudada desde a sua revelação.  É consistente internamente, sem nenhuma contradição, estando hoje como foi revelado há 1.400 anos. Ao contrário de outros textos sagrados, o Alcorão inteiro com 6.666 (seis mil seiscentos e sessenta e seis ) versículos e 114 (cento e quatorze) capítulos, foi memorizado por quase todos os eruditos islâmicos, inclusive atualmente milhares de crianças  e centenas de milhares de muçulmanos comuns ao redor do mundo, geração após geração. Conclui-se assim, que se hoje se perdesse todos os livros escritos do alcorão no mundo, não haveria qualquer problema para a nação islâmica, pois teríamos milhões de pessoas com ele em suas mentes para ensinar os demais, sendo assim um milagre que somente existe na religião islâmica.


TAGS:

Girrad Mahmoud Sammour

Girrad Mahmoud Sammour, Advogado, Pós Graduado em Processo Civil, Professor Divulgador Do Instituto Latino Americano De Estudos Islamicos-Ilaei, Diretor Da Mesquita De Barretos-Sp. Dúvidas e palestras  [email protected]

Ver mais publicações >

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS PUBLICAÇÕES
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente