Prefeito concede entrevista e esclarece sua ausência no governo em julho

Geral
Guaíra, 30 de junho de 2017 - 15h37

José Eduardo Coscrato Lelis pediu licenciamento de suas funções administrativas na prefeitura e disse que repetirá esse afastamento no ano que vem e também nos próximos

No final da tarde desta quarta-feira (28), o prefeito José Eduardo Coscrato Lelis concedeu entrevista ao Jornal O Guaíra para explicar algumas decisões de sua nova gestão, como a centralização das farmácias, e esclarecer a sua ausência na prefeitura neste mês de julho.

O Chefe do Executivo pediu licenciamento entre 1º e 31 para cuidar de interesses particulares, entre eles uma viagem já programada com o pai, o ex-prefeito Adnaer de Barros. A medida cumpre o artigo 68 Inciso III da Lei Orgânica do município de Guaíra.

Segundo José Eduardo, o licenciamento não haverá ônus para os cofres públicos por conta de seu afastamento temporário. “Quero fazer esse compromisso com a minha família, vou ficar 12 dias fora de Guaíra mas não acho justo ficar esse tempo e receber meu salário. Nos dias em que eu estiver em Guaíra, vou trabalhar junto com o Renato, vou na prefeitura. Tenho confiança na equipe, está tudo organizado, trabalhando”, explicou.

Lelis foi lembrado dos problemas que continuam atrapalhando o cotidiano dos guairenses. “Guaíra tem muito a caminhar, mas nesses seis meses começamos a colocar as regras para a cidade crescer de forma sustentável e reconhecer as dificuldades financeiras que estamos vivendo. Mas tenho um compromisso muito particular com meu pai, não posso abrir mão disso, os problemas vão ser sempre em Guaíra, daqui um, dois meses”, comentou.

Foi dado um exemplo ao prefeito de que, se ele estivesse em uma empresa, precisaria, no mínimo, de doze meses para tirar férias. “Julho é o mês adequado por conta do recesso na Câmara, no transporte universitário e em Brasília. E não vou deixar de acompanhar nada, não vou deixar de ser prefeito. Entendo essa preocupação, mas vou ficar extremamente atento. Tenho certeza absoluta que, toda estrutura montada, toda nossa equipe vai andar de forma muito regular. Se eu tivesse alguma dúvida, não faria isso”, afirmou.

Ao ser questionado se ele estaria consciente de que parte da população não ficaria satisfeita com seus “dias de descanso”, José Eduardo disse que tem noção disso. “Não poderia me ausentar uma semana e receber. Prefiro o desgaste do que não ser honesto com a população. Agora, vou continuar acompanhando. Do mesmo jeito que ligo para os secretários todos os dias de manhã, vou continuar fazendo isso. Vou estar em Tocantins com meu pai e vou ligar pra todo mundo, vou continuar sendo prefeito, mas não acho justo estar ausente e continuar recebendo meu salário.”

NOS PRÓXIMOS ANOS TAMBÉM

Durante a conversa, o prefeito confirmou que não serão apenas essas “férias” neste mês de julho, mas também no restante de sua gestão. “Quero fazer, nos próximos três anos, um mês no ano pro Renato assumir, confio nele, as pessoas votaram em mim porque também acreditaram nele e acho justo que ele tenha essa oportunidade.Em julho do ano que vem vou fazer de novo e no próximo também.”

Na visão de quem o elegeu, José Eduardo ainda não concluiu um ano de trabalho, o que pode gerar críticas. “Não estou abrindo mão da minhas responsabilidades. Mas a população terá muitos eventos em julho, encontro de carros, Ecal, motocross, Undokai, a Câmara está em recesso. Precisava escolher uma época pra sair com meu pai e preciso ser forte, decidir as coisas, mesmo porque vou continuar trabalhando no meu limite. As pessoas verem isso com preocupação é normal”, destacou.

O poder executivo será exercido pelo vice-prefeito Renato Moreira, que estará no cargo por 30 dias. “Creio que será a oportunidade do Renato exercer o cargo de prefeito e administrar Guaíra, tomando as decisões necessárias para dar continuidade em nosso projeto de gestão municipal”, concluiu.

 



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos