Vereadora quer ouvir cidadãos sobre o projeto Bolsa Atleta

De autoria do Poder Executivo, a lei que criará o auxílio a atletas está tramitando no Legislativo. Em reunião, hoje na Câmara, a Dra. Bia Junqueira pretende colher sugestões para tornar o programa justo para todos

Cidade
Guaíra, 29 de agosto de 2019 - 08h30


  •  A parlamentar quer ouvir os esportistas sobre o projeto de lei que cria o Auxílio Atleta e Técnico Desportivo no município.

A vereadora Dra. Ana Beatriz Coscrato Junqueira realiza hoje, a partir das 18h30, na Câmara Municipal, uma reunião com esportistas para tratar do projeto de lei número 32/2019, de autoria do Poder Executivo, que trata sobre a criação do programa Auxílio Atleta e ao Técnico Desportivo.

Este encontro agendado pela parlamentar pretende colher sugestões para que a legislação a ser votada na Câmara possa ser justa e oferecer igualdade de condições para todos os praticantes de esportes da cidade que necessitam de um apoio do poder público para exercer sua atividade.

A Dra. Bia explicou que já tem recebido muitas solicitações de alteração visando corrigir algumas distorções. ”Um projeto como este deve ser estudado, discutido, pois trata de uma área importante que é o Esporte. Precisamos ouvir as pessoas interessadas para apresentarmos propostas e, assim, chegarmos a um consenso para que o programa seja justo e beneficie quem realmente precisa deste apoio no desenvolvimento de sua modalidade esportiva” disse.

Na tarde da última terça-feira, 27, a vereadora e o advogado da Câmara, Dr. Heber Gomes de Assis se reuniram com o Diretor de Educação, Esportes e Cultura, Renato César Moreira, onde discutiram alguns pontos do projeto.

Durante o encontro, algumas dúvidas foram esclarecidas. Ao final, foi aberta a possibilidade de um diálogo entre a Dra. Bia Junqueira e o Poder Executivo para lapidar o projeto do Bolsa Atleta. Ficou acertado que ela encaminharia algumas sugestões de alterações, que podem ocorrer por meio de emendas de vereadores ou até mesmo mudanças do texto original do documento.

A parlamentar disse que na reunião de hoje abrirá o diálogo com os esportistas e pessoas interessadas nessa lei. ”Meu objetivo não é tumultuar o processo de votação, mas torná-lo o mais justo possível. Assim foi com a legislação do transporte universitário onde colaborei com algumas sugestões e hoje o município consegue tocá-lo sem dificuldades. O poder público precisa entender que antes de votar um projeto, precisamos ouvir a comunidade, os interessados e aqueles que serão beneficiados por ele. Como vereadora, vou fazer minha parte neste processo” finalizou…



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos