Seg - 22/10
31º 20º 12:40
Guaíra - SP

Guaíra poderá receber R$ 250 mil para construir prédio do CRAS

Geral
Guaíra, 9 de Março de 2017 - 07h44

Atualmente, os imóveis que abrigam os Centros de Referência de Assistência Social são alugados. A prefeitura se dispõe a ceder o terreno onde seria erguido o novo local

Guaíra deve contar com apoio do Governo do Estado de São Paulo para construir prédio que abrigue ao menos um dos três CRAS (Centros de Referência de Assistência Social) do município. O pedido foi tema de audiência solicitada pelo deputado estadual Roberto Engler (PSDB) e realizada na tarde da última terça-feira (7), na capital.

Além de Roberto Engler, participaram do encontro com o secretário estadual de Desenvolvimento Social, Floriano Pesaro, o prefeito José Eduardo Coscrato Lélis (PSDB), o vereador José Natal Pereira (PSDB) e o diretor de Justiça e Segurança, Éder Batista Conti Silva.

Os imóveis que abrigam os CRAS de Guaíra atualmente são alugados. O governo municipal se dispõe a ceder o terreno onde seria erguido o novo prédio.

“O secretário Floriano Pesaro nos explicou que em casos como o de Guaíra, onde não há nenhum Centro de Referência funcionando em local próprio, o Governo do Estado colabora com a construção. O repasse de recursos estaduais deve ser de R$ 250 mil”, revelou Engler.

Nas próximas semanas, as equipes de técnicos da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social e do município devem discutir como avançar na formalização da parceria. O valor estimado da liberação de recursos estaduais não deve ser suficiente para arcar com o valor total da construção e uma contrapartida da prefeitura de Guaíra deve ser necessária.

O secretário Floriano Pesaro ainda sinalizou com a possibilidade de buscar apoio do Governo Federal para reforçar o financiamento da obra. “É algo que será avaliado pela secretaria”, afirmou o deputado estadual.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos