Seg - 23/07
28º 17º 12:47
Guaíra - SP

Guairenses devem se atentar a novo golpe sobre suposta fiscalização da Receita Federal

Geral
Guaíra, 13 de agosto de 2015 - 10h56

Empresários da cidade devem tomar cuidado com o novo golpe envolvendo a venda de publicação em nome da Instituição

 

Guaíra está na mira dos estelionatários de novo e desta vez para um novo golpe sobre a Receita Federal. Um indivíduo está ligando aos empresários oferecendo a assinatura de uma suposta “revista dos auditores”, dando a entender que, sem a colaboração, ele ficará sujeito a uma fiscalização da Receita.

Em um dos telefonemas, a pessoa se identifica como Ângelo, dizendo ser advogado e presidente do conselho dos fiscais da instituição. Ele informa todos os dados da empresa em que está ligando e afirma que haverá uma fiscalização em Guaíra e que a firma consta no cadastro, o que pode trazer problemas ao empresário.

A Receita Federal alega em nota que os golpistas usam o nome de um auditor-fiscal e o endereço de uma Unidade da instituição. O nome do auditor e o endereço são verdadeiros, porém são usados indevidamente, pois não têm relação alguma com o telefonema.

Os estelionatários estão aproveitando o momento de crise e fragilidade das empresas, que buscam maneiras para quitar as cargas tributárias abusivas.

 

Como se proteger

A Receita Federal informa que não oferece assinaturas de publicações e não contata contribuintes para vender produtos ou ameaçá-los. Nenhuma empresa ou pessoa física vai ser ou deixar de ser fiscalizada por ter feito ou não assinatura ou anúncio em qualquer revista ou doação a quem quer que seja.

A instituição ainda afirma que as pessoas que prometem tal “serviço” ou “proteção” são criminosas e devem ser denunciadas para a polícia. Se usarem identificação falsa – fazendo-se passar por servidores – poderão responder, além do crime de estelionato, por falsidade ideológica, tendo que responder, ainda, pelos danos causados à imagem da instituição e do próprio servidor indevidamente envolvido.

Se persistirem dúvidas, os contribuintes que forem vítimas desse golpe podem entrar em contato com alguma unidade da Receita Federal, pessoalmente ou através dos telefones que podem ser obtidos no site da Receita Federal na internet (http://idg.receita.fazenda.gov.br – Acesso à Informação – Institucional – Quem é Quem – Unidades Regionais e Locais).


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos