Câmara aprova projeto autorizando 3 milhões para o DeÁgua

Sessão extraordinária foi realizada na tarde de ontem, com a presença de poucos munícipes ao contrario da última sessão quando da aprovação do empréstimo dos R$ 10 milhões

Política
Guaíra, 4 de julho de 2019 - 10h28


O presidente da Câmara, vereador José Reginaldo Moretti (MDB), convocou os vereadores guairenses para participar da sessão extraordinária, realizada na tarde da última quarta-feira.

A convocação foi para feita para que os nobres edis apreciassem a votação da Lei número 30/2019 de autoria do prefeito José Eduardo Coscrato Lelis, pedindo a autorização do Poder Executivo, através da autarquia Departamento de Esgoto e Água de Guaíra (DEÁGUA), com a finalidade de contratar operação de crédito junto a Caixa Econômica Federal, no valor de R$ 3 milhões de reais para a troca da tubulação de amianto na rede de água do município.

O projeto não entrou em votação em regime de urgência (na sessão anterior) pelo desentendimento dos vereadores, que compõe a Comissão de Legislação e Justiça, nas informações dos prazos de pagamentos do empréstimo. Assim o executivo fez as alterações necessárias para o devido entendimento.

O vereador Moreti, em entrevista no programa ”Hora da Notícia”, falou da importância dos projetos à cidade, bem como do comprometimento dos vereadores na fiscalização da execução do projeto.

”É importante salientar que a maioria dos vereadores optaram em aprovar esse projeto de lei do executivo, assim como do anterior pra ser feito o recape da cidade. Não participei da votação de ambos projetos, pela função de presidente porém sei da responsabilidade e do compromisso de todos nós em acompanhar e fiscalizar esse dinheiro e o trabalho que será realizado em beneficio da nossa cidade. Não é momento de politica e sim de trabalho e responsabilidade com o dinheiro público, e acredito que todos os vereadores estarão empenhados em acompanhar essas obras, esse investimento que será realizado na cidade no quesito recapeamento e a troca da tubulação de amianto nas redes de distribuição de água do município”, finalizou o nobre vereador.

O placar da votação foi o mesmo da sessão anterior, ficando 7 votos a favor e 3 contra, sendo mantido a oposição ao projeto, os vereadores Moacir Gregório, Maria Adriana e Bia Junqueira. A sessão contou com a presença de poucos munícipes ao contrario das últimas quando da aprovação do empréstimo dos R$ 10 milhões.

Nesta reunião também foi apresentado requerimento número 96, de autoria do vereador José Natal Pereira, requerendo concessão de licença do cargo de vereador para exercer cargo em comissão no Executivo Municipal, nos termos do inciso I do artigo 21A da Lei Orgânica do Município. Ou seja, José Natal se afasta das funções de legislador e volta para a esfera do secretariado do Governo Municipal.

Com aprovação do requerimento do vereador, o mesmo será substituído pelo primeiro suplente na sucessão, Rafael Talarico, que já vinha atuando na função anteriormente.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Política
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos