A corrida municipal já começou?

Editorial
Guaíra, 5 de fevereiro de 2020 - 13h52

A “corrida” a qual nos referimos não é aquela que entra numa competição física, de força nas pernas, onde se abaixam os tempos nos cronômetros e atestam os limites. Antes fosse! Seria bem mais fácil e muito mais simplificada.

A “corrida” que nos referimos é aquela que está na boca do povo, nas rodinhas das pontas das esquinas, nas calçadas e nas mesinhas dos cafés… Essa é bem mais tórrida e muito mais complexa.

Alguns até pensam que ainda é cedo para se tocar neste assunto, mas as especulações já começaram. Seria até uma competição saudável se não houvessem ranços a serem amaciados e arestas a serem aparadas, provenientes de disputas anteriores. Isto pode até acontecer em outros municípios, mas em nossa cidade a disputa pela cadeira de prefeito se torna acirrada. Não deveria, mas é assim!

O interessante é que não há – ainda – candidatos a candidatos. Os nomes que rolam por aí são pura especulações! Assim, quando se fala em determinados candidatos, há sempre alguém que jura que o referido nome não está apto para concorrer em uma eleição. Segundo os analistas políticos credenciados a por conta própria, por eles mesmos, há dois nomes nestas condições que não podem concorrer.

Como não há nada oficial e nem pode, por conta do calendário eleitoral, as pessoas vão desenterrando os protagonistas da “velha política” aliada aos mais novos, sem qualquer tipo de experiência em gestão municipal.

Tudo para ter assunto! Por pura especulação!

E o que dizer dos candidatos a uma cadeira na Câmara de vereadores?! Muitas são as pessoas que têm uma vontade imperiosa de começar uma carreira política por ali! A bem da verdade, tudo começa por ali mesmo, ainda  que existam candidatos que “pulam” esta parte e já vão direto para disputar o cargo majoritário, sem as experiências necessárias de uma gestão municipal.

Porém, tudo é válido quando se vê valores nos candidatos que têm objetivo melhorar o coletivo, não apenas pela vaidade política de um grupo que derrotou outro grupo.

Essa vaidade não interessa a ninguém, podem crer!


TAGS:

LEIA TAMBÉM
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos