As chaves de papelão; novela sem final feliz

Editorial
Guaíra, 10 de abril de 2016 - 08h10

Não impressiona como um político tem o dom de enganar o seu povo?

A lição vem lá de cima, de Brasília. O que conta é falar grosso, mesmo falando besteira – como é o caso da nossa presidente – mas tem que se inflamar, tem que usar toda a verborreia aprendida no porões do poder!

Por aqui também é assim: fizeram as propagandas das mil casas, enganando e criando expectativas na população, principalmente para aqueles que guardam a chave de papelão com o maior carinho, no afã de conseguir a tão sonhada casa própria!

Agora, quase em cima da hora de se fechar as possibilidades de se conseguir um só tijolo das mil casas, o discurso toma outro tom: usa-se o que os políticos desse partido que governa o país e nossa cidade mais sabem fazer, usa-se o sofismo, a inverdade e tenta-se ILUDIR o povo com o tradicional “não é bem isso que se quis dizer”!

Lembram do termo da posse do presidente Lula, para ser ministro, enviado por Dona Dilma, que era para ser usado somente em caso de necessidade? Então, aqui em nossa cidade as chaves de papelão não eram para serem vistas como garantia de que o portador da mesma iria ganhar a sua tão sonhada casa própria.  As chaves de papelão foram distribuídas para “abaixarem as especulações imobiliárias” que estavam – segundo a visão do prefeito – muito altas!

Como não vai dar tempo e é impossível construir 20 casas por dia para se atender a população, quem paga o pato é o “especulador imobiliário” que, a bem da verdade, fez o que o prefeito não teve coragem de fazer: ofereceu lotes para que fossem adquiridos para que, através de financiamento bancários, as casas pudessem ser construídas. É só dar uma olhada nos residenciais que existem em nossa cidade! Estão apinhados de construções!

E o prefeito nem perde o sono por não ter conseguido ser o grande realizador do primeiro sonho do ser humano: o da casa própria. Aliás, ele conseguiu ser o pesadelo de muito chefe de família!


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA TAMBÉM
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente