Até 12 horas de serviço?

Editorial
Guaíra, 11 de setembro de 2016 - 08h06

Quer ver como algumas mídias manipulam as informações? Ao invés de elucidar o trabalhador, alguns grandes jornais já colocaram: “Governo quer limite de jornada de trabalho para 12 horas”. Pronto, o estrago foi feito.

Se trocar a manchete – mais verdadeira – deveria ficar assim: “Governo quer aumentar teto de jornada de trabalho diária para 12 horas incluindo horas extras e o limite de 44 horas semanais.”

Atualmente, a jornada de trabalho semanal máxima na CLT é de 44 horas. Qual o projeto do governo? Aumentar o máximo para 48 horas, incluindo as horas extras, e permitir que os trabalhadores negociem trabalhar até 12 horas por dia desde que mantenham o limite de 48 horas semanais. Ou seja, permitir que os trabalhadores, sob a CLT, possam negociar trabalhar 4 horas por semana a mais.

A legislação trabalhista brasileira é da idade da pedra. Não entende que o mundo de hoje é diferente da década de 30, onde havia apenas operários de fábrica e trabalhadores de escritório. Enfermeiras trabalham 12 horas e folgam 36. Médico, às vezes, preferem dar 2 plantões de 12h ao invés de trabalhar 3 dias com turno de 8h. Universitários querem trabalhar apenas 2, 3 horas por dia para ajudar com os custos.

Todos hoje são considerados ilegais.

Mas quando alguém tenta falar sobre isso, aparece uma manchete nos portais de notícias dizendo que haverá uma reescravização do país. Não sei se o pior é o Jornalismo decadente ou as pessoas que replicam isso sem nem se dar ao trabalho de ler.

Assim, os maus intencionados até usam a tribuna do senado, incluindo o senador petista Lindbergh Farias, que chegou a usar a matéria na tribuna do Senado Federal hoje para colocar fogo onde nem tem combustível.

Uma porção de esquerdistas ficam compartilhando a matéria por aí, sem saber o teor da matéria. Aliás fazer juízo de valores sem ler é próprio do brasileiro.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA TAMBÉM
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente