Voto faxina e Fundão!

Editorial
Guaíra, 7 de outubro de 2017 - 09h59

O saudoso Ulisses Guimarães já dizia que o “Político só tem medo de povo na rua”. Uma frase que transmite a realidade da atual situação.

Mesmo temendo esta reação, não foi desta vez que os parlamentares recearam o povo na rua pois, na última quarta-feira (04), 233 deputados votaram a favor de se instituir o que chamaram de “Fundão”, que vem a ser um fundo monetário que cria um financiamento para as campanhas eleitorais estimado em R$ 1,7 bilhão para as eleições de 2018.

Agora, a matéria segue para sanção do presidente Michel Temer. Por um acordo costurado pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), Temer deverá vetar alguns itens.

Assim, somos nós (o povo brasileiro) que pagaremos a campanha para eleger, ou reeleger o parlamento brasileiro uma vez que está praticamente proibido de se receber financiamento através das empresas e empreiteiras.

Paralelamente ao descalabro que acontece na câmara, a rede social está lotada de pessoas indignadas com os desmandos dos nossos deputados e fazem apelos para o brasileiro coloque em prática o chamado “voto faxina”.

Este voto faxina tem como alvo, principalmente os 233 deputados que aprovaram o “fundão”, onde eles se elegem para continuar com as mordomias e benesses e nós pagamos a conta.

Os candidatos ainda poderão lançar mão das “vaquinhas” pela internet e como ainda há os desavisados, é bem possível que o deputado encontre quem doe dinheiro para que ele continue no poder, na mamata e nas regalias. Quem não se lembra de uma multa que alguns políticos tinham que pagar e foi, através de doações pelas redes sociais, que chegaram a ficar quites com a justiça?

O brasileiro é mesmo muito bonzinho!


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA TAMBÉM
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente