Sobre podres, fracassados e invejosos

Opinião
Guaíra, 24 de setembro de 2016 - 08h27

A madrugada de ontem (23) confirmou muita coisa pra mim, mostrando, de fato, sobre o que eu falava quando dizia “podres, fracassados e invejosos”. Era DESSAS pessoas que eu falava, porque nos bastidores já acompanhava o rumo que eles estavam tomando.

Quando eu disse “agroboys”, era sobre o oposto disso. Era sobre trabalhadores, com famílias íntegras, gente bonita de ver, honesta e humilde que, independente de dinheiro, não se envergonha de ter sua profissão ligada à agricultura, como é quase toda família guairense.

Sim, eu amo os “agroboys”. Meu pai nasceu numa fazenda, filho de funcionários e tenho orgulho de ter nascido numa cidade agrícola, que ama festa de peão, roça e gente simples.

Admiro ver um agricultor e um professor como candidatos à eleição. Pessoas cujas famílias merecem respeito, assim como eu, minha equipe do Jornal O Guaíra, minha família e toda a comunidade guairense.

Até agora não sei porque deram tanta importância para o meu comentário. Que ódio é esse? Isso faz mal para quem sente e não a mim.

Esse jornal nada mais é do que o reflexo da podridão de pessoas, que se unem em prol de uma campanha suja e estão cegas pelo brilho de paz dos concorrentes.

Brilho este que não é apoiado por mim (eu não sou tão importante assim), mas pela população, que tem recebido os candidatos de braços abertos em suas casas.

Eu não sou mais que uma cidadã que brigou por Guaíra nos últimos 4 anos, quer uma cidade próspera e fica surpresa de saber que sua opinião pessoal incomoda tanto, a ponto de ser distorcida e jogada na casa de cada guairense. Ou sei lá, vai ver que ter opinião, ser mulher e não se vender para eles foi ofensivo demais. São pobres de alma, que sempre usam o jornal O Guaíra como bode expiatório nas eleições.

O guairense não merece mais isso. Nós também não.

A inveja, o fracasso e a podridão não vem dos nossos trabalhadores – eu nunca disse isso – tampouco vem da grande maioria dos candidatos; mas sim de um grupo desesperado, que almeja poder a ponto de perder o bom senso ao ver os outros candidatos caminhando rumo a uma eleição limpa.

Sinto vergonha alheia por eles, pelo desespero, distorção de fotos, de informações e a velha mania de querer separar “pobres e ricos”, como se não fossem todos humanos querendo uma cidade melhor.

Isso só mostra que quem faz esses jornais simplesmente não tem preparo para governar uma cidade que quer paz.

Espero que esse jornal fortaleça a opinião do guairense e varra de Guaíra essa podridão, que só quer afundar a nossa cidade em ódio, mentiras e falsas promessas.

 


TAGS:

Inara Lacativa

Inara Lacativa – Jornal O Guaíra.

Ver mais publicações >

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS PUBLICAÇÕES
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente