População cobra governo sobre início das castrações no município

Geral
Guaíra, 4 de junho de 2017 - 10h30

A vereadora Elynes Antonelli também solicitou atenção da prefeitura com o Departamento de Zoonoses e indicou uma parceria com a AAAG, com o objetivo de criar-se um programa municipal de atendimento veterinário

Sem a licitação e a contratação de profissional, Centro de Castração de Guaíra não está funcionando

Sem a licitação e a contratação de profissional, Centro de Castração de Guaíra não está funcionando

Com o aumento de animais abandonados nas ruas da cidade, entidades protetoras e a comunidade guairense estão cobrando o governo sobre a data de início da campanha de castração, já que, em fevereiro deste ano, o Departamento de Meio Ambiente e Bem Estar Animal/Controle de Zoonoses havia confirmado que a ação seria realizada ainda neste primeiro semestre.

Na época, a chefe do setor, Lessiana Freitas, ressaltou que no último processo licitatório, feito na antiga gestão, ocorreram alguns problemas e por este motivo a atual administração estava estudando os documentos para melhorar as exigências dos procedimentos. Ela ainda explicou que a licitação seria feita em maio e, no final deste mesmo mês, iniciaria as cirurgias com a microchipagem. Entretanto, até o momento não há data para o começo desta campanha.

Ao questionar os motivos deste “atraso”, o governo municipal destacou em nota que está aguardando respostas do Conselho Regional de Medicina Veterinária. “Em setembro de 2016 foi aprovada a resolução nº2579, que regulamenta a castração dos animais no município de acordo com CRMV.  Este ano já foi enviado o projeto para a aprovação e a campanha só poderá ocorrer após o deferimento do órgão responsável”, afirma o Executivo.

A prefeitura ressaltou que, sem o deferimento do Conselho, não há como publicar o processo licitatório para a escolha do profissional veterinário. “É necessário anexar o projeto junto ao edital”, completa.

CONTROLE DE ZOONOSES

O assunto também foi destacado pela vereadora Elynês Antonelli, em seu último pronunciamento antes de deixar a Câmara Municipal feito no dia 30 de maio. Na ocasião, a parlamentar mostrou a importância das castrações para Guaíra e também pediu uma atenção da prefeitura para o Controle de Zoonoses.

“Atualmente, o departamento não está tendo condições de atender a população. Falta transporte, meios de acomodar os animais que morrem na rua e não temos vacinas para campanha. Inclusive, o projeto de castração está dependendo de burocracias que estão sendo resolvidas para que o governo possa começar os procedimentos”, pontua.

Com isso, Elynês enviou uma indicação ao prefeito José Eduardo, solicitando um projeto de reestruturação do setor. Segundo ela, é necessário dar mais autonomia à pasta, oferecendo um estimativa de custo e elaborando um orçamento adequado para as despesas.

Antonelli também indica a aquisição de materiais, de consumo e permanentes, necessários para o desenvolvimento das atividades da Zoonoses, como a compra de veículos, equipamentos para procedimentos técnicos, entre outros. “Tais mudanças devem ser implementadas com urgência”, destaca.

PARCERIA COM AAAG

A vereadora, em sua indicação, ainda sugeriu que a prefeitura faça uma parceria com a Associação Amigos dos Animais de Guaíra, com o objetivo de criar um programa municipal de atendimento veterinário para animais abandonados ou pertencentes a famílias de vulnerabilidade social.

“Pedi essa união com a AAAG para que pudéssemos ter veterinário atendendo os bichinhos de pessoas de baixa renda. Hoje, todos temos animais e temos que dar atenção e carinho. A associação, com uma parceria, teria condições de oferecer esse serviço às pessoas da nossa comunidade”, conclui.

 



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente