Serviços da Seleta são alvos de críticas durante sessão da Câmara

Geral
Guaíra, 16 de junho de 2017 - 09h38

Durante os pronunciamentos, vereadores criticaram, principalmente, o trabalho prestado pela empresa na área de limpeza pública da cidade

Novamente o assunto sobre a limpeza pública de Guaíra foi o principal tema discutido durante a sessão ordinária da Câmara, ocorrida na noite de 13 de junho. Os parlamentares questionaram a qualidade dos serviços prestados pela empresa Seleta na cidade.

Os parlamentares José Reginaldo Moretti e Moacir Gregório (PSB), mais uma vez, criticaram o trabalho realizado tanto na área de varrição de ruas como na coleta de lixo.

“São muitas reclamações por onde andamos. Não está tendo mais jeito. Os bairros mais distantes questionam por que só na cidade [área central] tem direito da Seleta fazer varrição e coleta? Nos bairros mais distantes são duas vezes por semana ou menos. Eles têm o mesmo direito, todos pagam imposto. Temos que conversar com o prefeito sobre isso”, afirmou Moretti.

Durante seu pronunciamento, Moacir mostrou fotos de lixeiras com detritos acumulados no Miguel Fabiano, sem coleta há duas semanas segundo ele, e ruas sujas em alguns pontos do município. “Não estamos fazendo politicagem, estamos mostrando o que está acontecendo em nossa cidade. Percebo aqui, que quer defender uma bandeira que não está prestando um serviço de qualidade, que é de suma responsabilidade do prefeito José Eduardo, que faltou com verdade ao dizer em palanque que iria cancelar contrato com a Seleta. Estamos discutindo uma qualidade de serviço que está péssima. Ou a população que paga seus impostos é obrigada a engolir isso? Estamos recebendo mais de 10, 15 ligações. É Reynaldo Stein, Nobreville, Muraishi que não limpa, que não varre. Estamos aqui para cobrar o dinheiro da população, que está sendo mal gasto, jogado no ralo.”

José Reinaldo dos Santos Júnior disse em seu pronunciamento que vereadores não podem politizar a questão da Seleta e que é preciso fazer comparativos de gastos com a empresa das duas gestões. “Até agora ouço, daqui dali, muita gente falando. Amanhã (14 de junho) vou protocolar requerimento pedindo gastos dos últimos quatro anos da Seleta. Existem vereadores que estavam no mandado, outros eram do governo e nós temos que passar a Seleta a limpo, mostrar pra população quantas pessoas estão trabalhando hoje, a que custo e quantas trabalharam nos últimos quatro anos e mostrar quanto está sendo gasto, quantas estão trabalhando, onde está tendo varrição e onde não está tendo. O serviço está perfeito? De forma alguma, muita reclamação. Mas, não podemos politizar um assunto muito importante na cidade que é a limpeza pública e vou discutir isso com responsabilidade, com números na mão.”

Em suas considerações finais, a presidente da Câmara, Dra. Ana Beatriz Coscrato Junqueira analisou que na gestão passada fez críticas e fiscalizou os serviços da empresa Seleta e que na atual gestão ela não poderia ser omissa e não fazer o mesmo.

Dra. Bia Junqueira destacou que está realizando um levantamento e que já detectou várias deficiências que precisam ser melhoradas, principalmente na varrição de ruas. Ela ainda afirmou que dará continuidade ao trabalho de fiscalização e que apresentará um relatório ao prefeito cobrando providências.

RESPOSTA DO GOVERNO

O Jornal O Guaíra entrou em contato com a prefeitura e enviou alguns questionamentos referentes aos problemas com a limpeza pública da cidade. Confira as repostas:

Os parlamentares da oposição denunciaram os problemas de coleta de lixo e varrição em diversos pontos da cidade. Denúncias confirmadas pela presidente da Câmara. O que a prefeitura irá fazer a respeito?

A Prefeitura já faz regularmente a fiscalização da limpeza Pública por meio do Departamento de Serviços Urbanos. A Prefeitura pretende realizar uma fiscalização ponto a ponto, dia a dia, para que a comunidade tenha um o resultado de qualidade. O munícipe pode e deve fiscalizar e registrar sua denúncia pelo telefone 0800-941-100 da Ouvidoria Cidadã.

 

A presidente da Câmara também denunciou o descaso com as funcionárias do setor de varrição da Seleta, que estão trabalhando em condições desumanas. O que o governo tem a dizer sobre isso?

Todos os funcionários da Seleta recebem os EPIs (Equipamento de Proteção Individual), destinados à proteção contra riscos capazes de ameaçar a segurança e a saúde do empregado. Em relação aos varredores, o percurso é compatível com a carga horária de trabalho.

 

Os cidadãos de bairros distantes pagam os mesmos impostos que os cidadãos do centro da cidade. Sendo assim, por que eles não possuem o benefício de terem suas calçadas varridas e seu lixo recolhido por 3 vezes na semana? O que a prefeitura tem a dizer sobre isso e como irá proceder?

A coleta de lixo em dias alternados nos bairros proporciona otimização dos processos, já que as atividades são realizadas de forma mais rápida, reduz as horas improdutivas, percorre menos quilômetros e coleta uma quantidade maior de resíduos, ou seja, faz mais serviços com os mesmos recursos. No centro, a coleta é feita diariamente devida o comércio e o acúmulo do lixo é maior. Aproveitando, segue os dias e bairros que são feitas as coletas de lixo domiciliar:

Terça, quinta e sábado – a partir das 7h – Campos Elíseos, Santo Antônio, Aniceto, Antônio Garcia, Ernesto Pacheco, Luis Afonso, Nery Lopes, Joaquim Lelis, José Pugliesi Jardim Lígia, Jardim Solares, Residencial Tais, Jardim Califórnia, Nova Guaíra, Vivendas, Cemitério, Bosque da Cidade, Distrito Industrial 1, Chácaras do Tomilho, Bairro nas Chácaras do São Francisco, Bairro Vista Alegre, Distrito Industrial 2, Portal do Lago, Morada do Sol, Jardim Eldorado e Residencial Reinaldo Stein.

Segunda, quarta e sexta-feira – a partir das 7h – Cecap, Gabriel Garcia, João Vacaro, Mutirão 1, Mutirão 2, Cohab 1, Mutirão 3, Jardim Eliza, Miguel Fabiano, N. Senhora Aparecida, Novo Horizonte, Residencial Marina, Cohab 2, Jardim Palmares, Muraishi 2, Jardim Paulista, Portal do Ipê, Paranoá, Lagoa Maracá, Nádia 1, Nádia 2, Nádia 3, Nádia 4, Jardim Alegria, Bom Jesus, Residencial Dona Ira, Portal do Ipê e Nobre Ville.

Coleta noturna – Diário, a partir das 17h – Centro da cidade, entre as Avenidas 21 até Avenida 1 e entre as ruas 4A (Balneário) até 26.

 



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente