Sorteados para as 232 casas da CDHU devem aguardar convocação da Caixa

Processo ainda está na fase de confirmação de todos os critérios exigidos às pessoas que fazem parte da lista sorteada;somente então o banco fará a convocação dos beneficiários, respeitando a ordem classificatória do sorteio

Geral
Guaíra, 8 de julho de 2020 - 23h29

 

Após o sorteio virtual dos beneficiários para as 232 casas da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), realizado na última segunda-feira (06), todos aqueles que tiveram seu nome em destaque na lista ficaram com dúvidas sobre a próxima etapa.

Algumas pessoas chegaram a procurar a Caixa Econômica para enviar suas documentações. Mas o processo para as moradias ainda está em outra fase.

Segundo a diretoria regional da CDHU de Ribeirão Preto, agora, a Companhia está fazendo um levantamento para confirmar se todos aqueles selecionados realmente estão de acordo com os requisitos legais do programa habitacional, como, por exemplo: se os futuros mutuários não possuem nenhum imóvel registrado ou financiando em seu nome; se eles moram ou trabalham no município há pelo menos cinco anos; se têm renda familiar entre R$ 1.200,00 e R$ 5.817,75; se não foram atendidos anteriormente por programas habitacionais; entre outros (confira todas as exigências no final da matéria).

O diretor regional, Adriano Quercia, confirmou ao governo municipal que a CDHU está realizando o processo o mais rápido possível, para que a listagem final seja entregue à superintendência da Caixa Econômica e assim, seja enviada à agência da Caixa Econômica Federal de Guaíra. Somente assim, o banco fará a convocação de todos os mutuários para as 232 residências. Depois de convocados, eles poderão apresentar a documentação exigida e comprobatória de estarem em acordo com as regras da instituição financeira para então assinarem seus contratos. Após esta etapa, será iniciada a construção das 232 moradias.

Na tarde de ontem, 08, o prefeito José Eduardo havia confirmado, através de entrevista para uma rádio local, que alguns nomes de titulares e suplentes estavam sendo excluídos da lista de sorteados, porque essas pessoas continham, pelo menos, um imóvel registrado em seus nomes.

Confira todos os critérios exigidos aos sorteados:

– Ter renda familiar mensal bruta entre R$ 1.200,00 a R$ 5.817,75.

– Possuir capacidade civil e ser maior de 18 anos de idade ou ser emancipado para os grupos da demanda geral, deficientes, dos policiais civis e militares e dos agentes de segurança penitenciária e agentes de escolta e vigilância penitenciária. A pessoa com idade maior que 16 e menor que 18 anos somente poderá participar da inscrição se for emancipada;

– Não ser usufrutuário, nu-proprietário ou proprietário, cessionário ou promitente comprador de imóvel residencial em qualquer parte do território nacional;

– Não ter tido atendimento habitacional anterior com recursos orçamentários do município, dos Estados, da União, do FAR, do FDS ou de descontos habitacionais ou subsídios com recursos do FGTS;

– Não ter o nome incluso no Cadastro Nacional de Mutuários (CADMUT);

– Não ter cadastro de IPTU do município e/ou nos Cartórios de Registro de Imóveis;

– Não ter financiamento habitacional ativo ou inativo promovido por qualquer outro agente ou instituição financeira;

– Não estar inscrito no CADIN (Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público);

– Não possuir restrições junto aos órgãos de proteção ao crédito: SPC, SERASA e outros;

– Não possuir pendência junto a Receita Federal.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente