Terror em Uberaba | Assalto a banco deixa moradores em clima de guerra por horas

Grupo usou até metralhadora antiaérea em assalto a banco em Uberaba. No total, dez suspeitos foram presos após uma perseguição na BR 262 entre Uberaba e Araxá

Região
Guaíra, 30 de junho de 2019 - 08h30

Tiros, explosões e muito medo, foi uma madrugada de terror através de um ataque promovido por um grupo de assaltantes a um banco de Uberaba, na última quinta-feira, dia 27.

O grupo suspeito de assaltar uma agência do Banco do Brasil, usou até uma metralhadora utilizada para derrubar aviões no crime. A Polícia Militar apreendeu uma metralhadora 50, usada pelo Exército dos EUA, e mais 10 fuzis, além de centenas de munições.

Na ação, um homem de 57 anos enfartou e não resistiu e veio a óbito e outra, uma mulher de 21 anos ficou ferida, baleada na cabeça e permanece internada no Hospital das Clinicas da Universidade do Triangulo Mineiro. As duas vítimas eram civis e não tiveram a identidade revelada pela Polícia Militar.

Em nota, o Banco do Brasil informou que está colaborando com a polícia para a elucidação do ataque e disse que ”mantém soluções de segurança e estrutura dedicada à mitigação dos efeitos de ataques criminosos às suas dependências”. Esses mitigadores contribuíram para retardar a ação dos bandidos.

No total, dez suspeitos de participação no assalto foram presos após uma perseguição na BR 262 entre Uberaba e Araxá que chegou a ter sete reféns (quatro homens, uma mulher e duas crianças) sendo usados como escudos humanos, de acordo com a polícia. A negociação para libertação dos reféns durou mais de duas horas.

Segundo a investigação, os sete reféns moram na mesma fazenda e foram capturados enquanto os criminosos estavam em fuga. Parte do grupo que agiu no crime está foragido e a polícia fez bloqueios em estradas, além de utilizar helicópteros da Polícia Militar. Os suspeitos que foram presos serão encaminhados para serem ouvidos pela Polícia Civil na sede da 5º Regiões Integradas de Segurança Pública (RISP) e depois vão para o presídio.






Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Região
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente