Câmara aprova proibição do comércio de linha chilena em Guaíra

O projeto de lei de autoria do vereador José Reginaldo Moretti foi aprovado por unanimidade pelos vereadores

Cidade
Guaíra, 9 de setembro de 2019 - 10h07


A Câmara Municipal realizou na noite da última terça-feira (03), a sessão ordinária onde foi aprovado o projeto de lei número 14/19, de autoria do vereador e presidente do Legislativo José Reginaldo Moretti, o qual proíbe a comercialização  de linha chilena em Guaíra.

O documento foi apoiado em segunda votação por todos os parlamentares da casa de leis. Agradecido, Moretti evidenciou sua satisfação com seus companheiros. ”Tenho que agradecer a todos os vereadores que aprovaram o projeto que proíbe a comercialização desta linha em nosso município” disse. Segundo ele, esse material é produzido com quartzo moído, elementos de ferro e demais metais, como óxido de alumínio. ”Ele também é conhecido como linha indonésia, nylon e calonge. É muito utilizado por algumas pessoas para soltar pipa e tem causado diversos acidentes na região, inclusive fatais” afirma.

Agora, o documento segue para o prefeito José Eduardo Coscrato Lelis, para que o mesmo sancione e torne em legislação municipal. Após a publicação da lei, ela passa a ser vigorada. Moretti finaliza falando o motivo que o levou a fazer essa indicação. ”Acredito que estamos proibindo um material cortante que, utilizado para soltar pipas, pode representar uma arma na mão de alguém. Temos que valorizar a vida.”



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos