Lixo de festa vira ato de vandalismo em escultura do Parque Maracá

Um indivíduo, no meio da noite, colocou fogo no monte de detritos, danificando uma das bases da obra de arte

Cidade
Guaíra, 3 de dezembro de 2019 - 10h42

Na manhã de ontem (02), fotos de vandalismo na escultura de Tomie Ohtake tomaram conta das redes sociais e a indignação da comunidade gerou questionamentos sobre um evento realizado no Parque Maracá nos últimos dias.

De acordo com um dos organizadores do ”Luau Trance”, após o encerramento da festa, feita na área verde do Parque, eles juntaram todo o lixo deixado pelos convidados e colocaram ”organizadamente” ao lado da escultura, para que fosse recolhido posteriormente pela equipe de Parques e Jardins da prefeitura.

Porém, um indivíduo, no meio da noite, colocou fogo em todo esse lixo, danificando uma das bases da obra de arte. ”Infelizmente não temos como controlar a educação de todos e nosso grupo e eu, como um dos organizadores do evento, estou (sic) horrorizado com essa situação e estamos mobilizando uma galera junto com o chefe do parque do lago maracá para limpar lá”, afirmou Luiz Henrique Mota, em resposta nas redes sociais. ”A gente ensacou e deixou tudo certo dentro dos sacos e caixotes de madeira e ainda combinamos do caminhão ir buscar, mas, infelizmente, aconteceu isso” continuou.

Ainda segundo ele, o evento ocorreu com o objetivo de angariar alimentos para uma entidade de Guaíra. ”Foi arrecadado mais de 150kg de alimentos para o município” contou. Em contato com o responsável pelo setor, Everton Pio, a limpeza já foi realizada pela equipe de Parques e Jardins e a organização do evento colaborou para isso. De acordo com o departamento de comunicação da prefeitura, a festa estava autorizada para acontecer, mas o combinado era para que, quando terminasse, o local estivesse devidamente limpo.






Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos