Plantão Policial

Policial
Guaíra, 20 de fevereiro de 2016 - 10h11

Jovem é preso por tráfico de drogas no Bairro Taís II

Durante patrulhamento, na madrugada desta quinta-feira, 18, a Polícia Militar prendeu o jovem W.A.V, 20 anos, com 28 pinos, totalizando 23,01 gramas de cocaína, 11 “trouxinhas” de maconha de 24 gramas, celular, R$ 290 reais e três eppendorfs vazios.

Os policiais o encontraram próximo a uma mata fechada, no bairro Taís II. O rapaz, ao avistar a viatura, tentou fugir, porém foi detido. A PM fez uma varredura pelo local onde ele estava e localizou as drogas.

Questionado, W.A.V alegou que vários traficantes também deixam seus entorpecentes naquela mata e que no dia 18 havia vendido 30 pinos de cocaína e que os três eppendorfs vazios também era dele, mas o restante não.

O jovem recebeu voz de prisão por tráfico de drogas e foi encaminhado à delegacia. Segundo o B.O, o indivíduo possui vários processos pela prática de tráfico e cumpre medida cautelar.

 

Homem tenta furtar desodorantes em supermercado

Na noite da última quarta-feira, 17, policiais conseguiram prender um indivíduo que tentou furtar alguns desodorantes de um supermercado, localizado na Avenida Neca Santana.

De acordo com o Boletim e Ocorrência, o suspeito já havia sido detido pelo gerente do local quando os policiais chegaram.

O funcionário afirmou que presenciou o indivíduo furtando os perfumes e colocando-os dentro de suas roupas íntimas. Ao perceber que havia sido descoberto, R.S.L, 36 anos, tentou fugir, mas foi detido. Ele foi encaminhado para delegacia.

 

Apreensão de nota falsa no centro da cidade

Na noite do último domingo, 14, a PM fazia patrulhamento pela cidade, quando foi acionada a comparecer em um posto de combustível, na Rua 14 do centro da cidade, com suspeita de nota falsa.

No local, o frentista contou que atendeu um senhor, que abasteceu seu veículo e pagou com uma nota de R$ 100. Ele pegou o dinheiro e só depois descobriu que era falsa. O funcionário teve que arcar com o prejuízo e pagar o posto.

O Aposentado, que havia dado a nota, contou que estava trabalhando como moto táxi e foi acionado para buscar uma caixa de cerveja em uma residência. O cliente o pagou com a nota de R$ 100 e ele a utilizou para abastecer seu veículo, sem saber que o dinheiro não possuía valor algum. A Polícia interrogou ambas as partes para as devidas providências.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Policial
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente