Poder público aumenta decisões para evitar aumento de casos de Covid-19 na cidade

Com um crescimento de infectados e de óbitos registrados no município, José Eduardo decretou lockdown nesse final de semana e não descarta possibilidade de mesma decisão para os próximos dias

Saúde
Guaíra, 21 de junho de 2020 - 10h56

A decisão de decretar lockdown em Guaíra dividiu opiniões. Por um lado, pessoas apoiaram a decisão do Chefe do Executivo visando a saúde de toda a comunidade. De outro, comerciantes e funcionários criticaram o fechamento de alguns estabelecimentos enquanto outros aglomeravam pessoas em suas filas.

José Eduardo decretou esses dois dias de fechamento porque Guaíra ultrapassou os 100 casos positivos para o novo coronavírus, além de anunciar os dois primeiros óbitos em decorrência da doença. O governo espera que essa “pausa” na cidade possa reduzir o número de contágio para o início dessa semana. A atitude foi amplamente divulgada por diversos veículos de comunicação, já que foi a segunda cidade do estado a decretar lockdown.

E o prefeito não descarta a possibilidade de novo fechamento “total” caso os números não se estabilizem. Para ele, problemas sérios no município, como Covid-19 e a crise na coleta de lixo durante a última semana, estão colocando suas atitudes à prova.

“Dotamos a administração municipal de uma musculatura e uma flexibilidade que ela não tinha. É como se o governo guairense tivesse, com a adoção de boas práticas de governança, se transformado em uma espécie de ginasta;  capaz de fazer, com sucesso, repetidas evoluções sobre o solo, com uma elasticidade que nunca havia experimentado”, compara o prefeito.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Saúde
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente