Vereadores participam do programa ”Hora da Notícia” para falar do empréstimo

O espaço foi aberto aos três vereadores, Moacir Gregório, Bia Junqueira e Maria Adriana que requisitaram o mesmo espaço, do programa anterior, realizado pelo chefe do executivo

Cidade
Guaíra, 20 de junho de 2019 - 08h30


Mostrando a imparcialidade dos trabalhos jornalísticos, que são prestados há 9 décadas em Guaíra, o veículo mais antigo da cidade abriu o programa ”Hora da Notícia” apresentado pelo jornalista Marcelo Junior, para os três vereadores: Moacir Gregório, Bia Junqueira e Maria Adriana que requisitaram o mesmo espaço, do programa anterior, realizado pelo chefe do executivo.

O tema foi o mesmo abordado pelo prefeito, José Eduardo Lelis, na última sexta feira, que é a autorização para um empréstimo de 10 milhões de reais destinado ao recape da cidade.

Os nobres vereadores  responderam os internautas que participaram do programa durante 1h30 minutos, e puderam explanar o motivo contrário ao empréstimo pleiteado pela administração.

Dentre as colocações dos três vereadores, frisaram que não se trata de serem considerados como vereadores opositores, e sim, que não veem logica em deixar dívidas para as próximas administrações.

”Não se trata aqui de sermos contra o recape da cidade, bem como sabemos que Guaíra tem outras prioridades dentro da saúde, educação, limpeza pública que precisam de investimentos. A questão do nosso posicionamento contrário é a divida que será deixada para os próximos gestores da Guaíra; o prefeito precisa se planejar melhor, e deveria ter feito essa divida para ser paga dentro do seu mandato”, disse o vereador Moacir Gregório.

A vereadora Bia Junqueira deixou claro que o prefeito desvia muito o foco principalmente referente à população, enfatizando que dos 94 projetos enviados a câmara votou favorável em 90 deles, que foram importantes para beneficiar a população. Ressaltou também que não é contra o recape, mas da mesma forma que votou contra um empréstimo da gestão anterior, vai manter seu posicionamento e votar contra este projeto de empréstimo.

”Não sou vereadora de situação ou oposição, minha postura é favorável no que for importante à comunidade, e não posso votar em algo que possa prejudicar a estrutura administrativa da nossa cidade, até porque foram 90 de 94 projetos aprovados pela câmara em benefício da cidade isso não é ser oposição, porém, não posso votar em algo que vai contra minha linha de pensamento, da minha personalidade politica pra deixar dívidas para próximas gestões”, disse Dr Bia.

Já a vereadora Maria Adriana deixou claro, em seu posicionamento, que mesmo sendo de uma legenda de oposição ao Governo, seu voto está consciente aos benefícios globais da comunidade, e que é a primeira vez que um prefeito quer deixar dividas, através de empréstimos, para outros prefeitos.

”Cada gestor tem que ter oportunidade de fazer sua administração, não pode ficar com o capital de investimento da cidade comprometido por prefeitos anteriores. Não sou contra o recape da cidade, porém,  tem outras prioridades, porque a cidade está abandonada, na saúde faltam remédios, temos próprios públicos depredados e estamos pagando alugueis de imóveis desnecessários. Então vou manter meu voto contra na próxima sessão e espero contar com o apoio da comunidade”, frisou a vereadora.




Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos