Justa homenagem

Editorial
Guaíra, 14 de julho de 2017 - 09h45

Há um artigo dentro da Câmara de Vereadores que não se pode nominar pessoas que ainda estão vivas, com nomes de ruas, avenidas e próprios públicos.

Uma pena. Porque seria uma alegria ver o Sr. Fauze Abdala ver o seu nome estampado no futuro prédio do CRAS, (Centro de Referência de assistência Social) que hoje, é apenas uma indicação da vereadora Maria Adriana, mesmo porque o prédio em questão   está com as suas obras paralisadas, sem uma previsão de retorno ou mesmo uma data para seu término.

Uma homenagem muito justa. Sr. Fauze – os mais velhos hão de se lembrar – foi um funcionário exemplar do Fórum Municipal. Jamais faltou ao serviço e se dedicava a ler o diário oficial da União de “cabo a rabo”. Era um apaixonado pela boa política.

Como sempre se dedicou a auxiliar o próximo, nada mais justo que o imóvel, que estará em uma região carente de nossa cidade, no bairro Pe. Mario Lano, estampe o nome do ilustre cidadão e funcionário sem máculas no seu currículo.

Sr. Fauze, que deixou uma prole (Juarez, Jucelim, José Antonio, Aparecida e Jarson) para seguir seus passos, tomando-o como exemplo na retidão do caráter, na postura diante da sociedade, na condução da caridade, deixou também a humilde de sempre tratar o seu próximo com desvelo e carinho.

Muitas foram as crianças que tiveram os seus registros de nascimento alcançados pelas mãos de Abdala, sem qualquer custo.  Não dá para precisar quantos registros ele providenciou, proporcionando ao pequeno guairense o seu primeiro documento oficial. Se a família fosse muito carente, “Seu Fauze” providenciava suprimentos também. Um abnegado! Um homem que honrou o seu sobrenome!


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA TAMBÉM
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente