Ensino Médio da região de Ribeirão Preto avança no Idesp 2016

Agora
Guaíra, 7 de fevereiro de 2017 - 07h39

Resultados acompanham índice do Estado no mesmo nível de ensino; boletins com resultados do Saresp de Língua Portuguesa e Matemática já estão disponíveis

As escolas estaduais da região Ribeirão Preto avançaram no Ensino Médio em 2016. É o que mostra o resultado do Idesp (Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo), divulgado pela Secretaria da Educação.

Ribeirão Preto acompanha o desempenho do Estado no Ensino Médio e também nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental. Na média geral, o Ensino Médio avançou pelo quarto ano consecutivo e chegou a 2,30 contra os 2,25 registrados em 2015. A pontuação é também a mais alta desde 2008, quando a Secretaria adotou o indicador de qualidade da educação paulista. Em Ribeirão Preto, o Idesp do Ensino Médio saltou dos 2,27 registrados em 2015 para os 2,33 em 2016.

Assim como o Ensino Médio, o desempenho dos Anos Iniciais do Fundamental (1º ao 5º ano) superou a marca anterior. Em 2016, o ciclo atingiu 5,40 (uma diferença de 0,15 ponto em relação aos 5,25 de 2015). A pontuação conquistada também é a melhor dos últimos nove anos. Os Anos Finais (6º ao 9º ano), por sua vez, tiveram queda: as notas foram de 3,06 para 2,93.

Os resultados indicam ainda que a rede estadual continua avançando para atingir as metas estabelecidas pela Secretaria para 2030. O ciclo 1 do Fundamental já atingiu 77,1% da meta 7 (em 2016: 5,40). O ciclo 2, 48,8% da meta 6 (em 2016: 2,93). No Ensino Médio, 46% da meta 5 (em 2016: 2,30)

Para o cálculo do Idesp são utilizadas as notas do Saresp (Sistema de Avaliação e Rendimento Escolar do Estado de São Paulo) nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, além das taxas de aprovação, reprovação e abandono.

Os resultados do Saresp já estão disponíveis por escola. A estratégia da Secretaria é que as unidades possam utilizar os dados no reforço intensivo programado para o mês de fevereiro. A proposta é que as equipes gestoras identifiquem os pontos mais críticos e crie planos de ação.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Agora
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente