Nota Fiscal Paulista: use os créditos para abater ou quitar o IPVA 2017

Agora
Guaíra, 15 de outubro de 2016 - 08h13

Secretaria da Fazenda definiu o calendário do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores

Os donos de veículos do Estado de São Paulo têm até o fim deste mês para decidir se usarão os créditos da Nota Fiscal Paulista para abater do valor do IPVA 2017 (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores).

Para isso, é preciso solicitar essa opção no site da Nota Fiscal Paulista (http://zip.net/bxtt3W – endereço encurtado) até a data limite de 31 de outubro. O veículo deve estar no nome do usuário cadastrado no programa para que a opção seja válida.

O uso dos créditos estava indisponível desde 23 de setembro, mas foi liberado nesta semana. O sistema foi temporariamente interrompido para a carga e aprovação dos créditos que serão liberados no mês de outubro.

IPVA

A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo já divulgou as datas para o pagamento do IPVA 2017. Os contribuintes podem pagar o imposto em cota única no mês de janeiro, com desconto de 3%, ou parcelar o tributo em três vezes (nos meses de janeiro, fevereiro e março), de acordo com o final da placa do veículo. Também é possível quitar o imposto no mês de fevereiro, sem o desconto.

Confira o calendário do IPVA 2017, com dia do vencimento da 1ª, 2ª e ª parcelas: Placa final 1 nos dias 09/01, 09/02 e 09/03; placa final 2 em 10/01, 10/02 e 10/03; placa final 3 em 11/01, 13/02 e 13/03; placa final 4 nos dias 12/01, 14/02 e 14/03; placa final 5 em 13/01, 15/02 e 15/03; placa final 6 em 16/01, 16/02 e 16/03; placa final 7 nos dias 17/01, 17/02 e 17/03; placa final 8 em 18/01, 20/02 e 20/03; placa final 9 em 19/01, 21/02 e 21/03; e placa final 0 nos dias 20/01, 22/02 e 22/03.

O pagamento do IPVA 2017 pode ser feito pessoalmente em um agência bancária ou nos sites e aplicativos dos bancos. A tabela que define o valor de mercado dos automóveis, usada como base para calcular o imposto, ainda não foi divulgada.

R$ 679 mi em créditos

Segundo a Secretaria da Fazenda, foram liberados R$ 679 milhões em créditos da Nota Fiscal Paulista e estão sendo distribuídos em crédito para resgate R$ 627 milhões para consumidores e condomínios e R$ 52 milhões a entidades sem fins lucrativos.

Os créditos são relativos às compras realizadas no 2º semestre de 2015 e, para as entidades beneficentes, os valores são referentes a compras próprias e doações de cupons fiscais realizadas no 1º semestre de 2016. (UOL)


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Agora
Ver mais >

RECEBA A NOSSA VERSÃO DIGITAL!

As notícias e informações de Guaíra em seu e-mail
Ao se cadastrar você receberá a versão digital automaticamente