Setor de Serviços Urbanos instala placas de alerta na antiga estrada do Boiadeiro

O objetivo é conscientizar a população sobre os descartes indevidos de lixo, entulhos e até restos de animais

Geral
Guaíra, 22 de abril de 2019 - 11h17


Na última quarta-feira dia 17 o Setor de Serviços Urbanos instalou placas na antiga estrada do Boiadeiro, que fica no final da Avenida José Flores. Devido aos inúmeros casos de descartes de lixos, entulhos e até restos de animais mortos por parte da própria população, o departamento tomou a medida para alertar sobre a irregularidade.

O objetivo é conscientizar a comunidade de que é crime praticar tal ato. Caso alguém seja pego jogando qualquer tipo de objeto no local será penalizado com multas. De acordo com o chefe do setor, Valter Alves dos Santos Junior, o lugar é limpo semanalmente. ”As limpezas são feitas no início e final de semana, sempre na segunda-feira ou sexta-feira. Estamos colocando três placas, uma no início, outra no meio e no fim, bem na entrada da reciclagem, com orientações pedindo para não jogarem lixo e, caso alguém seja flagrado, será notificado e multado” disse.

Junior ainda contou que junto às orientações há um número do disque denúncia. Caso os moradores, ou mesmo quem estiver passando, presenciarem alguém praticando este ato, podem entrar em contato. Além disso, esclareceu algumas dúvidas e explicou a melhor forma para cada um descartar seus detritos.

”A coleta de lixo de quintal é feita segunda, terça e quarta-feira; já as podas de árvores podem ser feitas na segundas, terça e quarta. No caso do entulho, se alguém colocar na rua muita quantidade, tem que solicitar a caçamba no DEAGUA.”

Esse trabalho de emplacamento será, em um primeiro momento, realizado não apenas nesta parte, mas também na Mata do Thais, na Lions Clube e Perimetral do Vivendas; posteriormente, nas demais extremidades do município.

”Gostaria de pedir à população para colaborar, nos ajudar e não jogar esses lixos nas entradas da cidade, como aqui na saída da Cohab II, na estrada da Mata, na Lions Clube. Jogam essas marmitas recicláveis, que juntam muita água e acabam se transformando em criadouros da dengue, por isso, peço a todos para colaborarem”, conclui.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos