Vigilância registra 257 casos positivos e confirma epidemia de dengue na cidade

São 959 notificações, sendo destas, 267 negativos e 435 suspeitos. Exames não estão sendo realizados, já que quando municípios atingem sua incidência, o Estado suspende automaticamente o recebimento de material para diagnóstico

Cidade
Guaíra, 26 de março de 2019 - 10h29

A vigilância em Saúde confirmou: Guaíra está com epidemia de dengue. O município já registra 959 notificações, sendo destas 257 casos positivos da doença, 267 negativos e mais de 435 suspeitos. O chefe do setor, Maurício Alves, ressaltou a preocupação em atingir este número em tão pouco tempo. Todos os bairros possuem incidências, mas, os que se encontram em estado de alerta, com maior transmissão em área próxima são: Nobre Ville, Palmares, João Vaccaro e Vila Aparecida…

Segundo a chefe da unidade de Controle de Vetores, Leina Júnior, foi feito nebulização em todas essas localidades. Entretanto, após inspeção da equipe de combate, 20 dias depois, ao retornar nas casas confirmadas com focos, foram encontrados mais locais propensos ao Aedes aegypti.

”Temos casos em quase todos os bairros, onde estamos fazendo bloqueio, mas em maior transmissão é quando vários positivos estão próximos. Nestes, estamos dando prioridade com a nebulização. Na maioria da vezes, passamos nas residências em que estivemos há 20 dias com o arrastão e estamos encontrando larvas em todos os lugares. É difícil, pois toda vez que voltamos encontramos foco. A reincidência de larva está muito grande, por isso precisamos da ajuda da comunidade. Se cada morador não fizer sua parte, dificilmente venceremos essa luta contra a dengue. É dever de cada um cuidar do seu quintal” lamenta a funcionária.

Exames Suspensos

Após receber informações que os exames para a confirmação de dengue foram cancelados nas unidades de saúde, o Jornal O Guaíra questionou a prefeitura sobre tal fato. De acordo com o poder público, como a sorologia para dengue e demais arboviroses é realizada pelo laboratório do Instituto Adolfo Lutz (IAL) disponibilizado pelo Estado, quando os municípios atingem sua incidência para epidemia é suspenso automaticamente o recebimento de material para diagnóstico. ”No nosso caso, a partir de 150 confirmados é feita a suspensão. Somente em situações graves e em gestantes em risco são realizados exames” afirma o governo.

Guaíra atinge a epidemia a partir de 150 positivos, já que, de acordo com a Organização Mundial da Saúde, é surto quando há 300 casos para 100 mil habitantes.

A prefeitura também foi indagada sobre a possibilidade de episódios de Chikungunya no município, já que há muitos munícipes apresentam sintomas semelhantes, inclusive com declarações de médicos, mas sem confirmação através de exames, pois no particular chegam a custar R$ 300 e nas unidades de saúde não são feitos. ”Esta é uma avaliação exclusiva do ato médico que através da anamnese, sinais e sintomas do paciente ele pode realizar a notificação e solicitação do exame” declara o Executivo.

Cuide de Seu Quintal

A melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor da doença. Para isso, é importante não acumular água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d’água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros.

Arrastão Contra a Dengue

As equipes do Controle de Vetores continuam fazendo as orientações de casa a casa, bloqueio, nebulização e arrastões pela cidade. Neste último final de semana, os agentes estiveram nos bairros Nova Guaíra, Bárbara, Califórnia, Sta Terezinha, Morada Nova, Neri Lopes, Banespinha, Luís Afonso, Joaquim Pereira Lélis, José Pugliesi, Taís I e II, Lígia, Tônico Garcia, Aniceto e Jardim Solaris.

Como foram retirados sete caminhões de entulhos propensos a criadouros e localizada grande quantidade de foco, nos próximos dias os funcionários voltarão nessas áreas…

As equipes do Controle de Vetores retiraram sete caminhões de entulhos propensos a criadouros e localizaram grande quantidade de foco durante o último arrastão…




Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos